Cerimônia de posse da diretoria da Blusoft. Foto: divulgação.

A Blusoft, entidade de TI de Blumenau, realizou nesta quinta-feira, 25, a solenidade de posse de sua nova diretoria. Na ocasião foi empossado o novo presidente da entidade, o empresário Joe Elias Linder, eleito no final de 2012.

Linder, que é o presidente da Edusoft, assume o cargo antes ocupado por Jeziel Montanha.

Além do presidente, o Conselho Administrativo do Blusoft ficou com Marcelo Ferreira Chaves de Oliveira Lima (vice presidente), Edílson Paterno (representante da Assespro-SC ), Ingo Tiergarten (representante da ACIB), Edson Kestering (representante da Prefeitura de Blumenau), Roberto Heinzle (representante da FURB), Sérgio José Tomio, Markus Blumenschein, Renato Lauterjung, José Roberto Heller (representantes dos associados), Bruno Tiergarten (1º suplente dos conselheiros) e João Luiz Kornely (2º suplente dos conselheiros).
 
Além de atuar para a divulgação da qualidade do software de Blumenau em todo o país, o Blusoft investe prioritariamente em programas de qualificação profissional.

E a atuação da entidade na capacitação profissional pode ser medida em números. Nos últimos cinco anos, o Blusoft iniciou e geriu investimentos de R$ 3,7 milhões em formação de mão de obra.
 
Atualmente, os recursos empregados nessa área somam R$ 800 mil anuais. A previsão, para os próximos cinco anos, é um total de R$ 10 milhões aplicados com a chegada de novas instituições de ensino e a abertura de cursos adicionais.
            
O Blusoft, Polo Tecnológico de Informação e Comunicação da Região de Blumenau foi criado em 1990, sob a denominação tendo como fundadores a Prefeitura de Blumenau, Acib, Furb e Assespro, associação das empresas de software.

PRÉDIO

Recentemente, o grupo de investimentos Bianchini, responsável pelo Bianchini Business Park, polo tecnológico multisetorial orçado em R$ 350 milhões que entra em construção este ano em Blumenau, comprou um prédio da Oi na cidade.

O imóvel abriga hoje a sede do Blusoft  e 22 empresas incubadas, que seguirão no prédio, agora denominado Bianchini Business Center.

Narciso destaca que a manutenção da Blusoft no local, que tem 10,1 mil metros quadrados totais e área construída de 5,3 mil metros quadrados, estreita a parceria com a entidade, que será o primeiro âncora do Bianchini Business Park.