MIT e outras instituições dos EUA tem vagas sobrando para brasileiros. Foto: divulgação.

O Instituto de Tecnologia de Massachussetts (MIT), assim como outras universidades de renome dos Estados Unidos esperam dar cerca de 1,5 mil bolsas de estudos para acadêmicos brasileiros até 2015.

Segundo destaca a Exame, o MIT e as universidades de Harvard, Stanford, Columbia, entre outras instituições, concedrão bolsas de estudo integrais até 2015 para estudantes brasileiros que desejam fazer cursos de doutorado completo no exterior.

As bolsas serão financiadas pelo governo federal, por meio do programa Ciência Sem Fronteiras (CsF). As inscrições para início dos estudos em 2014 vão até setembro e podem ser feitas pelo site da Laspau.

O convênio entre os governos brasileiro e norte-americano foi firmado na verdade em 2012, mas a baixa divulgação da oportunidade entre os estudantes brasileiros levou a Laspau entidade vinculada à Harvard University e que é responsável pela concessão das bolsas, a realizar uma visita ao país esta semana.

A baixa demanda pelas bolsas pode ser justificada pelo desconhecimento de muitos estudantes, que tendo apenas diploma de graduação podem se candidatar diretamente para o curso de doutorado. Ou seja, não precisam cursar primeiramente o mestrado.

"Trata-se de um acordo histórico, sem precedentes. Os estudantes brasileiros precisam saber que eles podem estudar nas melhores universidades norte-americanas", disse Angélica Natera, diretora adjunta da Laspau, em reunião com parceiros institucionais em São Paulo.

Mesmo com pré-requisitos simplificados para aplicar ao programa - diploma de graduação em Engenharia, Tecnologias e Saúde, assim como bom nível de inglês, até o momento foram pré-selecionados pouco mais de cem candidatos. Isso que para este primeiro ano do acordo esteja prevista a seleção de mais 400 estudantes.