A Globosat adotou serviços em nuvem da Microsoft para armazenar conteúdo do Gloob. Foto: Divulgação.

A Globosat, maior programadora de televisão da América Latina, adotou os serviços em nuvem da Microsoft para armazenar seus programas e marcas do seu canal infantil Gloob

O novo modelo permite a entrega dos conteúdos para as empresas que possuem contrato ou que tem interesse em adquirir o conteúdo do canal de forma mais eficiente. 

A opção por substituir a arquitetura tradicional de armazenagem em servidores de dados locais pelo Azure Media Services também se justificou pela alta volumetria de programas licenciados pelo canal. Atualmente são 9 programas com mais de 20 temporadas disponíveis para licenciamento, com foco de comercialização principalmente no mercado internacional.

Em busca de explorar o processo de negociação e licenciamento do conteúdo e marca para produtos de diversas categorias como brinquedos, confecção e material escolar, a Globosat precisava de uma plataforma digital onde os vídeos e outros materiais das marcas do canal Gloob fossem guardados para uso em eventos de negócios com parceiros ou licenciados das marcas. 

Assim, todos os materiais do canal foram para a nuvem Azure e, assim, o cliente que fecha o contrato com a Globosat pode fazer o download.

 As funcionalidades oferecidas pela ferramenta da Microsoft, como proteção de conteúdo e Content Distribution Network (CDN), ambas dentro de um pacote especial para a indústria de mídia, foram as responsáveis pela mudança na forma de fazer negócios do canal.  

Hoje, com ferramentas como o CDN, a Globosat distribui o conteúdo do Gloob hospedado na nuvem da Microsoft e, com o recurso de segurança, protege o acervo, impossibilitando que o produto seja acessado por quem não está autorizado.

“A solução não só atendeu a expectativa do canal Gloob, como o desejo dos gestores do canal de exibir seus produtos com a máxima qualidade possível, com um acesso intuitivo e simples ao acervo, fundamental durante feiras e eventos”, comenta Marcelo Cabral, gerente de sistemas de gestão de programação e mídias da Globosat.