O Grupo CRM, proprietário das marcas Kopenhagen e Chocolates Brasil Cacau e responsável pela operação das boutiques de chocolate Lindt no Brasil, implementou o ERP SAP All-in-One da SAP para otimizar seus processos de negócios.

O contrato foi fechado com a EngineBr, especializada em outsourcing de software e infraestrutura no modelo Software as a Service (SaaS). A solução será hospedada em ambiente de nuvem da IBM. A implementação do projeto já foi iniciada e a conclusão está prevista para janeiro de 2015.

O objetivo é aprimorar e automatizar todos os processos de negócios, possibilitando a expansão da empresa no Brasil. Para este ano, o Grupo CRM projeta superar a marca de 1 mil lojas e faturar R$ 1 bilhão, 30% a mais do que o ano anterior.

A Kopenhagen é responsável por 67% do faturamento do Grupo e a Chocolates Brasil Cacau ocupa o patamar de 33%.

O Grupo CRM pretende em 2014 superar o marco de mil lojas, sendo que mais de 60% do total das operações serão lojas e quiosques da Chocolates Brasil Cacau. Recentemente, a marca lançou seu e-commerce, também de olho em aumentar sua receita.

Segundo o vice-presidente de finanças do Grupo CRM, Fernando Vichi, a opção pelo modelo SaaS foi o mais adequado para o plano de negócios do grupo, que prevê crescimento para 2014.

Até 2015 o Grupo CRM investirá R$ 70 milhões na ampliação de seu atual complexo fabril e em um novo centro de distribuição. O Grupo bateu recorde de investimento, aportando R$ 57 milhões em marketing no ano de 2013.

"Necessitávamos aprimorar a gestão, otimizando os processos padronizados e tornando-os o mais transparente possível para termos todo o suporte de back office necessário para a expansão da empresa. Optamos pelos benefícios do modelo SaaS", conclui o executivo.

O projeto tem contrato inicial de sete anos e chega para dar suporte à joint venture recém-firmada entre o Grupo CRM e a Lindt&Sprüngli, tradicional fabricante Suíça de chocolates e cliente global da SAP.

O acordo com a Lindt prevê a comercialização dos produtos da marca, inicialmente, por meio de lojas próprias. O passo seguinte será focar na produção.

“O Grupo CRM optou por adotar as soluções SAP para suportar a estratégia de crescimento das marcas do grupo de forma integrada e ágil. Com a joint venture, o grupo aposta em um forte crescimento no país”, afirma Pietro Di Micio, Diretor de Vendas para Trade da SAP Brasil.