Governador do Paraná, Beto Richa. Foto: AEN PR

O governador do Paraná, Beto Richa, sancionou nesta segunda-feira, 24, a Lei de Inovação no estado, que era o único das regiões Sul e Sudeste que ainda não havia aderido à lei.

Paralelamente à sanção, o governo já anunciou dois editais ligados à lei.

Um deles, para o Programa de Bolsas de Pós-Doutorado em Empresas, que prevê investimento de R$ 2,9 milhões, financiados pela Coordenação de Aperfeiçoamento e Pessoal de Nível Superior (Capes) e pela Fundação Araucária, para incentivar a concessão das bolsas pelas companhias.

O valor de cada bolsa será de R$ 5,4 mil.

“Essa medida permitirá aos pesquisadores a implementação dos produtos no mercado. Eles agora vão levar seus produtos da invenção à prateleira”, destaca o presidente da Fundação Araucária, Paulo Brofman.

O outro edital se refere à disponibilização de R$ 1 milhão para apoio à criação de Núcleos de Inovação Tecnológica (NITs) em empresas.

Os recursos irão para atividades direcionadas ao processo de inovação, como estabelecimento de parcerias, produtização de projetos, proteção intelectual e transferência de tecnologia.

Os projetos deverão ter prazo de execução de 24 meses cada um.

As inscrições para o programa de Bolsas de Pós-Doutorado em Empresas podem ser feitas até 19 de novembro de 2012.

Para o programa de apoio aos NITs, o prazo vai até 23 de novembro.

Mais informações na página da Fundação Araucária.