MERCADO DA MÚSICA

Transamérica: app musical com Napster

26/01/2016 10:49

Transamérica une forças com o Napster. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Rede Transamérica de Comunicação, maior rede de rádios FM do país, firmou um acordo com o serviço de música Napster para criação do aplicativo “Mercado da Música by Napster”, com lançamento no dia 29 de janeiro.

Disponível para iOS e Android, o app disponibilizará cerca de 39 milhões de músicas, 4 milhões de álbuns e 2 milhões de artistas, para o usuário ouvir como quiser. Será possível ainda fazer o download ilimitado de singles para ouvir offline.

A assinatura custará R$14,90 por mês e o aplicativo poderá ser acessado por até 3 dispositivos móveis (smartphones e tablets, não simultâneos) e por browser web.

Além disso, o “Mercado de Música by Napster” vai oferecer conteúdos exclusivos produzidos por apresentadores dos principais programas da Transamérica e também serão criadas playlists específicas de cada um dos segmentos e conteúdos, como Pop, Hits, Light e Esportes.

“Essa é uma das nossas apostas para 2016 para levar ainda mais música, entretenimento e conteúdo exclusivo para os nossos ouvintes, além de ampliar a experiência deles com nossa marca” explica Luiz Guilherme Albuquerque, diretor superintendente da Rede Transamérica de Comunicação.

Para o diretor sênior de Negócios e Marketing do Napster para América Latina, Roger Machado, essa é mais uma parceria com marcas líderes em seus segmentos, atraindo novos assinantes para a plataforma, com o plano de atingir 100 mil assinantes nos próximos meses.

“Temos certeza que o sucesso irá se repetir com a Rede Transamérica de comunicação e seus ouvintes apaixonados por boa música e entretenimento”, afirma Machado.

Com emissoras nas principais cidades do Brasil, a audiência da Transamérica passa dos oito milhões de ouvintes/mês. Além das emissoras de rádio, a Rede Transamérica de Comunicação migrou para outros meios digitais como o comparador de preços Transhopping e o site Radiotransamerica.com.br.

A parceria com a Transamérica se soma a outros esforços do Napster em fortalecer sua base de usuários ao unir forças com marcas locais populares. No final do ano passado, a empresa anunciou um acordo com o Corinthians para oferecer conteúdos especiais para os torcedores do clube paulista.

Com estas manobras, a companhias quer aumentar a competição local frente a outros apps de música como Deezer, Rdio e Spotify. No Brasil, o Napster foi "revivido" no final de 2013, quando o Terra extinguiu o serviço Sonora e trouxe a marca estrangeira para o país, com um catálogo de 36 milhões de músicas.

Veja também

MÚSICA
Superplayer: Movile e 21212 investem

O Superplayer, lançado em 2013, conta com mais de 3 milhões de usuários.

NOVO TERRENO
Youtube anuncia streaming de música

Pequenas gravadoras que se recusarem a aceitar os termos terão o conteúdo bloqueado.

STREAMING
Corinthians: streaming de música com Napster

Plataforma personalizada aposta em playlists e recomendações específicas para atrair o público do time alvinegro.

FISCALIZAÇÃO
Ecad monta data center próprio com HP

Em um projeto realizado pela Micro-Mídia Informática, a empresa montou um data center com tecnologia da HP.