Cassio de Medeiros, diretor comercial da Quirius. Foto: Divulgação.

A Senior passou a oferecer em sua loja online a solução em nuvem Auditor Fiscal. O sistema foi desenvolvido pela Quirius, especialista em governança e compliance fiscal.

O foco da ferramenta é garantir ao cliente a adequação e o cumprimento às constantes mudanças e ao aumento de obrigações fiscais que o país adota. 

“O sistema oferecido pelo governo não tem aprofundamento suficiente na validação e, dentro de um período de cinco anos, pode haver solicitações de ajustes – o que pode implicar em divergências no recolhimento do Imposto de Renda, por exemplo”, alerta Valmir Hammes, especialista em legislação na Senior.

O Auditor Fiscal é independente de qualquer sistema de gestão empresarial e está disponível em ambiente web, onde o gestor consegue administrar a agenda de envio de documentos por área e por envio.

Para validar as informações, são aplicadas mais de 2 mil consistências, o que garante que a solução gere e envie as informações ao governo de forma única e integrada.

Segundo o diretor comercial da Quirius, Cassio de Medeiros, muitas empresas contratam consultorias, escritórios de contabilidade ou realizam grandes investimentos com recursos humanos para checar as informações geradas em planilhas. 

“A parceria entre Quirius e Senior é um grande passo para o aprimoramento e a sistematização da gestão fiscal dessas companhias, pois tornará o processo mais eficaz e seguro”, analisa Medeiros.

Antes da Quirius, Medeiros foi diretor Comercial da Systextil entre 2010 e 2011. Ele também atuou como gerente de Serviços na Datasul. 

Fundada em Joinville, a Quirius atende a clientes como Vinícula Aurora, Bauducco, Oderich, Forno de Minas e Tigre.

O sistema Auditor Fiscal pode ser adquirido via e-commerce pelo valor de R$ 350. Há uma versão gratuita para testes.

A Senior tem aproveitado seu e-commerce para oferecer ferramentas que fogem aos seus negócios tradicionais. No final de 2015, a empresa de software de gestão, controle de acesso e RH fechou um acordo com a conterrânea ToOdo para vender o software de administração de viagens da startup.

Um dos sócios da ToOdo é Edson Gonçalves, ex-gerente nacional de vendas da Senior, empresa na qual passou 20 anos.

Outra estratégia utilizada pela companhia para diversificar suas ferramentas é de aquisições. No final de 2015, a Senior comprou a Softran, empresa de Joinville focada em soluções direcionadas a transporte de carga, logística e frotistas.

A Softran tem 60 funcionários, gerencia mais de 18 mil usuários online todos dias e tinha previsão de fechar o ano de 2015 com um faturamento de R$ 6 milhões.

A Senior é um dos grandes players nacionais no mercado de ERP, com 90 mil contratos ativos. A empresa fechou o terceiro trimestre de 2015 com uma receita de R$ 58 milhões, superando em 29% o valor alcançado pelo grupo no mesmo período do ano anterior. 

Para 2015, foi divulgada uma meta de alta de 25% de faturamento, o que significaria um resultado de R$ 240 milhões.

A companhia não divulgou ainda o resultado anual, mas a meta está abaixo do resultado obtido no ano passado, quando a companhia cresceu 36% e é uma revisão para baixo dos 30% estabelecidos como objetivo no final de 2014.

Fundada em 1988 em Blumenau, a companhia possui 6 filiais (São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul e Pernambuco) e cerca de 100 canais de distribuição em todo o Brasil.