Táxi no Rio de Janeiro. Foto: .flickr.com/photos/caochopp

A IpanRio, estatal de tecnologia da prefeitura do Rio de Janeiro, está usando o software de visualização de dados da Qlik para gerenciar os dados do Taxi.Rio, aplicativo municipal de táxis, em um projeto com consultoria da catarinense Toccato.

Lançado no final de 2017, o Taxi.Rio teve adesão nos seus primeiros seis meses de 17.656 taxistas, dos 55 mil da cidade.

“Precisávamos escolher um BI que desse uma resposta rápida, pois a partir do momento que esse projeto começasse a funcionar, era importante que a gestão e a sociedade tivessem um acesso às informações”, afirma Marcelo Castilho, gerente técnico de Informações Gerenciais da IplanRio.

Sediada em Florianópolis, a Toccato é uma das maiores parceiras da Qlik no país, com uma base de 850 clientes e dezenas de canais abaixo dela.