MERCADO

Gartner: AWS e MS disputam IaaS

26/05/2015 09:42

Além dos dois nomes que encabeçam a lista da consultoria, apenas o Google foi lembrado.

MS e AWS brigam na ponta da IaaS. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

Na corrida do mercado de infraestrutura como serviço, a Amazon ainda lidera com uma certa segurança, segundo destaca o Gartner. Entretanto, a consultoria aponta que a Microsoft conseguiu reduzir essa diferença na competição, se colocando como um rival com o Azure.

Além dos dois nomes que encabeçam a lista - e que fazem parte do quadrante mágico da consultoria - apenas o Google foi lembrado pelo Gartner como uma plataforma com presença substancial neste segmento.

O Gartner indica que há um líder claro nas ofertas de infraestrutura como serviço (IaaS): Amazon Web Services. A consultoria, contudo, aponta a Microsoft como um desafiante que vem ganhando espaço nessa corrida. Depois desses dois players vem “os outros".

“O mercado é dominado por apenas alguns fornecedores globais. Entre eles, esses três provedores (AWS, Microsoft e Google) compreendem a maioria das cargas de trabalho em execução em infraestrutura de nuvem pública em 2015”, aponta o relatório.

No grupo que segue os três principais nomes vem uma série de outros fornecedores, como CenturyLink, Rackspace, VMware, Virtustream e, em menor medida, SoftLayer (da IBM).

A HP não consta do relatório do Gartner devido à sua decisão de sair do mercado de nuvem pública e se dedicar ao Helion (seu produto de infra em nuvem) em ambientes híbridos e privados. Além disso, a divisão da HP não obteve participação de mercado suficiente para se qualificar.

O relatório também apontou as dificuldades de cada vendendor perante o mercado. De acordo com o Gartner, a AWS ainda tem complexidades em sua oferta e precificação, o que exige de muitas empresas a contratação de intermediários para gerenciar custos e implantações.

No caso do Azure, o desafio é o de adequar a plataforma para ambientes de produção, assim como problemas de integridade da nuvem, que enfrenta interrupções frequentes. Por isso, Gartner recomenda que empresas que usam essa nuvem para trabalhos de missão crítica contratem uma cloud secundária como backup.

Para o Gartner, o Google possui uma nuvem robusta, mas precisa investir mais em sua oferta de IaaS para ganhar a confiança do mercado corporativo, um problema também enfrentado pela VMWare e seu VCloud Air.

Conforme a consultoria, a IBM e seu SoftLayer tem uma oferta abrangente, incluindo hospedagem gerenciada, desenvolvimento de aplicativos (através do BlueMix), SaaS e provisionamento, mas que falta uma proposta mais elaborada.

Veja também

FUTURO
TI: mero fornecedor de serviços?

Pesquisa aponta que mudanças tecnológicas estão mudando o perfil dos departamentos de TI.

CARREIRA
Locaweb tem novo diretor de tecnologia

Alexandre Cadaval já exercia o cargo de gerente executivo de projetos corporativos na empresa.

SAÚDE
Rede D’Or: mobilidade com Microcity

Projeto conta com 119 dispositivos adaptados para utilização em ambientes esterilizados. 

GAAS BOT
Regency IT: governança como serviço

Plataforma compreende serviços que ajudam as empresas a planejar, criar e executar sua infraestrutura SAP, locais ou na nuvem.

GARTNER
Despesa com infra na nuvem crescerá 32,8%

O mercado de infraestrutura de serviços na nuvem chegará a US$ 16,5 bilhões em 2015.