Eduardo Prange, CBO da Seekr. Foto: divulgação.

Lançado há nove dias, o Causa Brasil, hotsite criado pela gaúcha W3Haus com tecnologia da Seekr para reunir as reivindicações de participantes das atuais manifestações que percorrem o país, já passa de 450 mil postagens.

A plataforma é abastecida automaticamente de hora em hora por meio de postagens sobre os protestos feitas pelos usuários cadastrados no Facebook, Twitter, Instagram, YouTube e Google+.

A partir das postagens, a ferramenta cria gráficos que categorizam os teores das manifestações, de acordo com tópicos como preço das passagens, reforma política, educação, saúde, impostos, entre outros.

“Em manifestações como as que estão acontecendo no país, nas quais as causas são inúmeras, eleger as prioridades é de extrema importância. Faz-se necessário uma organização dos dados que encontram-se nas mídias sociais, gerados espontaneamente pelos usuários de todos os estados e municípios brasileiros”, explica Eduardo Prange, CBO da Seekr.

Segundo ele, o hotsite pode funcionar como um medidor das reivindicações feitas nos protestos.

“É como um termômetro de entendimento do cenário atual, visto que, com o passar das horas, algumas causas vão perdendo força e outras vão ganhando, muito em função do posicionamento do governo”, complementa o CBO.

O Causa Brasil também traz os temas mais comentados nas manifestações e quantidade de menções sobre o assunto, entre outros dados.

“Com essas informações, será possível mensurar as causas mais urgentes, ou pelo menos as que têm adesão de mais pessoas”, finaliza Prange.