Edward Monteiro.

 

Edward Monteiro, ex-diretor de serviços da UOL Diveo, acaba de assumir como superintendente na área de TI do Itaú.

Monteiro estava no UOL Diveo desde janeiro de 2010.

Ele veio do UOL, onde passou por diversos cargos na área técnica, começando como administrador de sistemas e chegando até gerente de operações.

Segundo a reportagem do Baguete pode averiguar, no UOL Diveo, Monteiro estava acima de Lauro de Lauro,  diretor de marketing e produtos da UOL Diveo e Ricardo Fernandes, diretor de operações do UOL Diveo.

Ambos eram sócios da Dualtec, companhia de multicloud adquirida pelo UOL Diveo em 2016, e saíram com poucas semanas de separação em 2018.

Hoje estão na Sky.one, em cargos de diretoria e focados em uma oferta concorrente de multicloud.

Uma certa dose de entra e sai faz parte, mas a verdade é que o UOL Diveo perdeu muitos nomes importantes nos últimos meses.

Além dos sócios da Dualtec, Cleber Braz, gerente de operações com quase 20 anos de casa, e Décio Miname, diretor de arquitetura e soluções, deixaram a empresa no ano passado para ir para a IBM.

Marcos Peigo, ex-COO do UOL Diveo, saiu da empresa em 2017 e também foi para a IBM.

Peigo entrou no UOL pela aquisição da Solvo, empresa na qual era CEO, ainda em 2012.

Na visão de executivos ouvidos pelo Baguete, o UOL Diveo enfrenta um momento complicado, no qual compete com adversários poderosos em duas frentes diferentes.

Por um lado, o mercado nacional de hospedagem corporativa se sofisticou bastante desde 2010, com a chegada de novos players como Ascenty, a capitalização por meio de fundos de outras companhias como a Alog e a chegada em peso do bicho papão da Amazon Web Services.

No lado de TI, as aquisições em série dos últimos anos não foram consolidadas em uma oferta competitiva frente a gigantes como IBM, Tivit, HP ou Oracle, ou mesmo as ofertas de nicho de Totvs, Neoris e outros.

Para fechar o quadro, empresas como Microsoft, SAP, Oracle e Google instalaram data centers no país nos últimos anos.