ENTER

Microsoft rouba executivo top da AWS

26/08/2021 08:14

Charlie Bell chegou a ser cotado para comandar a AWS e agora está na concorrente.

Um novo começo para Bell. Foto: Pixabay.

Tamanho da fonte: -A+A

A Microsoft acaba de tirar um executivo de alto calibre da concorrente AWS.

Charlie Bell, ex-vice-presidente sênior da AWS, chegou a ser cotado para assumir o comando geral da AWS, depois que o CEO da gigante de nuvem, Andy Jassy, passou a liderar a Amazon como um todo no lugar do fundador, Jeff Bezos.

Mas isso acabou não acontecendo e Bell, um profissional com 23 anos de Amazon, deixou a empresa no começo do mês.

Agora, segundo informações obtidas pela CNBC, Bell está oficialmente listado no diretório de funcionários da Microsoft, como subordinado a  Kathleen Hogan, a chefe de recursos humanos da empresa.

Isso não faz muito sentido, porque as atribuições de Bell na AWS nos últimos tempos incluíam a política de preços, desenvolvimento de software, serviços e resultados financeiros da empresa.

Ou talvez faça exatamente por isso. A Microsoft parece estar tentando manter a contratação na moita, não tendo feito uma divulgação oficial ou respondido aos pedidos de comentário da CNBC.

A Microsoft parece estar se prevenindo contra uma medida judicial da AWS contra a contratação de Bell, alegando que o ex-funcionário pode levar segredos comerciais para a concorrente.

A AWS é a líder no mercado de nuvem pública, com a Microsoft vindo em segundo lugar.

A competição entre as duas empresas é cada vez mais feroz. Caso a Microsoft consiga manter Bell no seu time, a contratação seria uma espécie de troco pela última grande derrota infringida pela AWS.

A AWS moveu mundos e fundos para impedir a Microsoft de levar um contrato de US$ 10 bilhões com o Pentágono, dentro de um projeto chamado Jedi. E consegiu. A licitação será refeita, dividindo a contratação entre diferentes fornecedores.

Veja também

FINTECH
PayGo adota Azure para transações de maquininha

Implementação da solução de nuvem da Microsoft foi da Brasoftware.

LATAM
Ex-SAP assume vendas SAP no Google Cloud

Alemã e norte-americana anunciaram recentemente uma maior aproximação.

CHAMADA
Liq migra para Google Cloud

Uma das grandes de call center transferiu infra da VMware para a nuvem.

PORTAS
SAP faz aproximação com Google Cloud

Google está em boa posição para entrar com força na base de clientes da SAP.

SOJA
Granol migra para Azure com SOU.cloud

A janela de tempo disponível para a transição era de apenas um final de semana.

NUVEM
Multilaser migra para AWS

Até 2022, a companhia pretende ter 100% das operações rodando em cloud.