Tim Cook achou o trimestre bom. O mercado, nem tanto. Foto: Flickr.com/igrec

O lucro da Apple avançou 61% ano/ano no quarto trimestre fiscal de 2012, chegando a US$ 8,2 bilhões, enquanto a receita subiu 4%, ficando em US$ 156,5 bilhões.

No trimestre, a empresa vendeu 26,9 milhões de iPhones e 14 milhões de iPads, altas de  58% e 26% em relação ao mesmo período do ano passado, respectivamente.

Apesar de o diretor-executivo da Apple, Tim Cook, definir o período como “um fantástico ano fiscal, com resultados recorde em setembro", as vendas decepcionaram o mercado, ficando aquém das estimativas de Wall Street.

Na visão dos analistas, as vendas da californiana podem ter sido afetadas pela expectativa em relação ao iPad Mini, que chega ao mercado em novembro, e a temporada crucial para a Apple ainda está por vir: as festas de fim de ano, quando a competição será acirrada com Amazon, Google e Microsoft, todas também em época de fim lançamentos.

Cook destacou que, para combater, a Apple entra na temporada de festas “com os melhores produtos iPhone, iPad, Mac e iPod já desenvolvidos”, e que está confiante.

Na sexta-feira, a Apple já começa a receber encomendas do iPad Mini com Wi-Fi, que foi apresentado esta semana, com tela tátil de 20 cm na diagonal, em comparação com os 24,6 cm do equipamento original.

Os preços é que não são pequenos: apesar de a versão mais barata do iPad Mini sair por US$ 329, mais barato que o iPad Original, ainda é mais cara que os tablets concorrentes.

Amazon, Google e Samsung partem de preços na faixa dos US$ 199.