Lopes com novo data center. Foto: divulgação.

 O Grupo Lopes, uma das maiores empresas nacionais do setor imobiliário, investiu na ampliação e modernização do seu data center, em um projeto realizado com tecnologias da Dell e serviços da Alog.

Em um investimento de aproximadamente R$ 3,5 milhões, o projeto expande a rede e de infraestrutura da empresa. A implementação teve duração de cerca de um ano e conclusão no final de outubro de 2014.

O projeto consistiu na implementação servidores Dell PowerEdge 12G e Storage Dell Compellent SC8000 e integra um sistema de nuvem privada. O ambiente de TI está hospedado na Alog.

Segundo a Lopes, além de tornar-se mais ágil, o tráfego de dados da empresa passou a ter ainda mais qualidade e segurança das informações. A empresa investiu em 100% de redundância da rede WAN (Wide Area Network) para garantir alta disponibilidade e evitar impactos no negócio.

"Por ser privada, a nuvem garante acesso restrito a apenas alguns profissionais da Lopes e cria um ambiente seguro, que permite potencializar os trâmites dos contratos durante as negociações e consultas de produtos voltados para autônomos", destacou a empresa em nota.

A tecnologia aumentou a velocidade de comunicação da rede de 1Gb/s para 10Gb/s, utilizando Switches Dell F10. Os equipamentos de alta performance também diminuíram de tamanho e passaram a ocupar três racks ante os cinco anteriores, uma redução de espaço em 40%.

O upgrade completo no parque tecnológico da Lopes foi desenvolvido com arquitetura em forma modular, o que permite a empresa estar preparada para acompanhar um crescimento orgânico nos próximos cinco anos.

“A plataforma ficou muito mais rápida e versátil, agilizando o atendimento de nossos clientes e aos 16 mil corretores associados. A nova estrutura  é um importante marco para o Grupo Lopes ao reforçarmos essa estrutura para nossos públicos e ao ganharmos espaço para a empresa crescer como um todo”, explica Luiz Moraes, diretor de TI da Lopes.

Uma das maiores do país no segmento de consultoria de imóveis, a Lopes atingiu em 2013 um total de R$ 19,9 bilhões em intermediação. Esse volume representou um crescimento de 5% frente a 2012.

Na área de financiamento imobiliário, a empresa atua por meio da CrediPronto, joint venture entre Lopes e Itaú para prover financiamento imobiliário. Em 2013, a empresa originou R$ 2 bilhões em financiamento imobiliário, valor 34% superior ao volume originado em 2012. A carteira total da CrediPronto atingiu R$ 4 bilhões em 2013.