Cemitério vertical da Evolution em Balneário Camboriú, SC. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Evolution, uma empresa pernambucana de tecnologia para o setor funerário, implementou o software de gestão Business One da SAP, em um projeto feito em seis meses com consultoria da Seidor.

O principal negócio da Evolution é a construção de cemitérios verticais, um assunto mais complicado do que parece à primeira vista.

Esse tipo de estrutura está em alta porque aumenta a capacidade sem alterar a estrutura física dos cemitérios, além de agilizar o processo de enterro, além de atender às exigências ambientais e evitar a contaminação do solo.

Por outro lado, é preciso ter tecnologia para fazer o tratamento dos gases resultantes da decomposição dos corpos e fazer a gestão dos nichos (a Evolution tem inclusive um software para isso).

Só a construção de um cemitério do tipo em Balneário Camboriú, Santa Catarina, custou R$ 700 mil. Em outros contratos a Evolution assume a administração, o que aumenta o valor.

“Temos processos bastante complexos. Gerenciamos mais de 4 mil tipos de insumos. Fazer isso de forma manual é impraticável, ainda mais com fábricas fechadas, recursos escassos e um cenário de guerra que já dura meses”, resume o diretor da Evolution, Otávio Soares.

A Evolution foi fundada em 2013, como uma spin off do Grupo Vila, uma das maiores referências do setor no país. 

“Implementar um novo ERP não é fácil. Precisamos mudar a cultura, treinar as pessoas. Decidimos fazer isso uma vez só. Não queríamos correr o risco de algum tempo depois ter que trocar de sistema novamente”, afirma Soares.

A Seidor é uma multinacional espanhola, presente no Brasil desde 2013 e hoje com filiais em São Paulo, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Vitória, Goiânia e Recife, totalizando 1 mil funcionários (em nível mundial, a empresa tem 5,5 mil).

A empresa atua com  projetos em S/4, C/4H, Ariba e Successfactors e tem uma base importante de implementação do ERP para pequenas e médias Business One, totalizando mais de 200 entregas no país.