Oi quer ouvir os clientes com app Oi Spot. Foto: divulgação.

A Oi anunciou nesta quarta-feira, 27, o lançamento do Oi Spot, aplicativo colaborativo da companhia com o objetivo de captar e usar as percepções dos clientes quanto aos serviços de voz, internet e mensagens via celular.

O app, gratuito e disponível para Android e iOS, os usuários poderão enviar informações que ajudam a empresa a aprimorar a oferta de serviços.

Através do Oi Spot, é possível associar o tipo de local – aberto, fechado ou em movimento – e a localização específica que o usuário quer relatar a qualidade dos serviços, o que inclui completar ligações, obter sinal para realizar chamadas e acessar a internet pelo aparelho celular.

No aplicativo, o cliente irá selecionar uma das seis opções disponíveis: “Ligação Caiu”, “Ligação não Completada”, “Sem Sinal”, “Internet Lenta”, “Sem Internet” e “SMS/MMS com Problema”. A partir disso, a informação chegará à operadora.

 Com os dados, a empresa irá analisar a cobertura ou a capacidade da rede móvel da companhia sob a ótica do cliente – o que torna possível priorizar a solução dos relatos mais recorrentes.

As informações enviadas pelo aplicativo não serão tratadas individualmente, mas sim em blocos pela área de operações.

Dessa forma, a novidade não vai funcionar como um canal de atendimento, mas dará ao cliente a oportunidade de ajudar a aprimorar a rede da Oi de acordo com suas necessidades.

CONTROLE DE QUALIDADE

Outra operadora que também investiu em plataformas para aprimorar sua comunicação com os clientes e resolver problemas em seu serviço foi a TIM.

Para informar os usuários sobre a qualidade do sinal e da cobertura oferecida em seu serviço de telefonia móvel, a TIM disponibilizou a partir de 1º de março o site Portas Abertas.

O site criado pela operadora dará aos clientes da operadora a chance de consultar como está o sinal em sua área, digitando o CEP da localidade.

Com a consulta, o poderá indicar um defeito na cobertura, como queda ou má qualidade do sinal. O retorno direto ao cliente pela operadora, no entanto, não está previsto.