Equipamento tem possibilidade de diferentes cores. Foto: Divulgação.

A Samsung apresentou nessa quarta-feira, 26, o lançamento do Galaxy S5 no Brasil. O anúncio foi feito em São Paulo ao informar que o aparelho chegará às lojas por R$ 2.599 no dia 11 de abril, mesma data de outros 149 países. 

Com tela de 5,1 polegadas e resolução Full HD, o celular tem processador quad-core de 2,5 GHz, 2 GB de RAM, armazenamento interno de 16GB expansível até 64 GB com microSD. 

O sistema operacional é o Android KitKat 4.4. 

A câmera traseira é de 16 megapixels com possibilidade de gravação de vídeos em 4K, enquanto a frontal é de 3 megapixels.

Alguns serviços gratuitos serão oferecidos ao mercado brasileiro, como três meses da conta Premium no Linkedin, um ano de monitoramento esportivo RunKeeper também na versão Premium, 50 GB no Dropbox por dois anos.

O cliente terá também desconto de R$ 80 na Dafiti, 45 edições digitais do jornal O Globo e 33 edições da revista Globo a Mais, além de pagamento via leitor de digitais do aparelho via ferramenta PayPal. 

Junto com o celular, serão comercializados os smartwatches Gear 2 e Gear Fit por R$ 1.299 e R$ 899, respectivamente. 

A promessa é de que o valor do smartphone fique mais acessível com os planos pós-pagos. Isso porque a fabricante está em negociação com as operadoras Vivo, Claro, Oi, TIM e Nextel para eventuais subsídios, de acordo com o Mobile Time.

"Não tenho detalhes de subsídios, mas estamos procurando planos específicos para trazer o produto a um preço mais acessível, atrelado a ofertas, e elas serão lançadas junto com o aparelho", disse o diretor de Produtos da Samsung, Roberto Soboll. 

O executivo considera que esse produto é, principalmente, para clientes pós-pago e, por isso, as operadoras podem usá-lo para capturar ou reter clientes. 

Ainda pode haver descontos na compra do telefone e de um dos smartwatches. 

O S5 é fabricado no Brasil, nas fábricas de Campinas e Manaus, mas pelo valor final, o dispositivo não será beneficiado pela Lei do Bem. Porém, a fabricante informou que pretende investir em conteúdos brasileiros mesmo que não seja obrigação. 

Com o lançamento, o S4, que antes era R$ 2.399, terá seu preço sugerido para R$ 1.999.