César Leite, presidente do Grupo Processor.

A Processor, empresa de serviços de TI sediada em Porto Alegre, adquiriu a consultoria Pitrez, de Novo Hamburgo.

A Pitrez conta com duas linhas de serviços, uma voltada para processos de gestão e outra para a infraestrutura de TI. A empresa tem 26 anos de mercado e trabalha com tecnologias Oracle, Constat, Netwall e Target IT.

Em seu site, a Pitrez cita como clientes organizações como Lojas Renner, Zaffari, Quero-Quero, Angeloni e Hospital Moinhos de Vento.

Com a aquisição, Luciano Pitrez e Luciano Rocha passam a atuar no braço de serviços do Grupo Processor.

Sem muito alarde, a Processor tem feito uma série de aquisições de empresas de menor porte nos últimos anos.

Com matriz em Porto Alegre, a Processor tem unidades no Brasil em São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Florianópolis e Belo Horizonte, além de operações no Chile, Colômbia e escritórios comerciais na Argentina e Estados Unidos. 

O grupo foi eleito pela Microsoft o Parceiro do Ano no Brasil – 2013. O portfólio inclui consultoria, outsourcing, ERP, suporte, serviços técnicos, aplicações (BI, BPM, portais), segurança e CRM.