O Grupo Malwee é proprietário de oito marcas: Malwee, Malwee Kids, Carinhoso, Scene, Enfim, Wee!, Malwee Liberta e Zig Zig Zaa. Foto: Divulgação.

O Grupo Malwee, empresas de moda presente em 24 mil pontos de vendas multimarcas e 82 lojas monomarca, lançou uma chamada no Edital de Inovação para a Indústria a fim de selecionar projetos de startups. 

A empresa escolherá até cinco propostas focadas em novas experiências de compra e na inserção de lojistas multimarcas no mundo digital.

Cada projeto aprovado terá orçamento de R$ 150 mil e deverá ser desenvolvido em até oito meses na rede de 26 Institutos SENAI de Inovação e 58 Institutos SENAI de Tecnologia. O público-alvo são micro e pequenas empresas (MPE) e startups, incluindo microempreendedores individuais (MEI).

No desafio “Experiência do usuário: Inovação no processo de compra”, o objetivo é que a proposta explore novas experiências de aquisição e modelos de negócio inovadores, como delivery de roupas, customização de produto, provadores inteligentes, auto atendimento ágil e interativo, entre outras possibilidades. 

Já no desafio “New Retail: Novas tecnologias para otimização e digitalização de lojas multimarcas”, a ideia é selecionar projetos que melhorem a operação da loja, com redução de custos e aumento de produtividade.

“Entendemos que, de forma geral, o varejo de moda vem passando por um momento de transformação que impacta, desde a maneira de gerir os negócios de modo mais eficiente e rentável, até as diferentes formas de proporcionar uma experiência única para o consumidor final”, destaca Illan Sztejnman, gestor de Inovação do Grupo Malwee.

O Edital de Inovação para a Indústria é uma iniciativa do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e do Serviço Social da Indústria (SESI). 

Os projetos serão selecionados com base em critérios como potencial de inovação e de venda do produto ou do processo. 

“O Edital de Inovação para a Indústria é a porta de entrada para grandes empresas e startups criarem soluções conjuntamente e, principalmente, estabelecerem uma relação de confiança, que pode resultar em novas parcerias”, explica Marcelo Prim, gerente-executivo de Inovação e Tecnologia do SENAI.

O Grupo Malwee é proprietário de oito marcas: Malwee, Malwee Kids, Carinhoso, Scene, Enfim, Wee!, Malwee Liberta e Zig Zig Zaa. A companhia possui 4 unidades fabris, 5,5 mil funcionários e está presente em mais de 25 mil lojas em todo o Brasil.

A empresa anunciou recentemente um pacote de investimentos da ordem de R$ 100 milhões para o triênio 2019-2021. Desse montante, R$ 90 milhões serão destinados para modernização e Indústria 4.0, TI, varejo e inovação.