ECONOMIA

São Paulo anuncia retomada gradual

27/05/2020 15:14

A partir de 1º de junho, estado é dividido em regiões de acordo com a gravidade da situação.

João Doria, governador do estado de São Paulo. Foto: Governo do Estado de São Paulo.

Tamanho da fonte: -A+A

O Governo do Estado de São Paulo anunciou na tarde desta quarta-feira, 27, o plano para a retomada gradual de algumas atividades econômicas a partir do dia 1º de junho. 

No plano, o estado foi dividido em regiões, que são classificadas por cinco cores de acordo com critérios estabelecidos pela secretaria de saúde, como a taxa de ocupação de UTIs, dados de mortes, casos e internações por Covid-19.

Se a região receber a cor vermelha, como é o caso da Grande São Paulo e da Baixada Santista, significa que ela está em alerta máximo e somente os serviços essenciais podem funcionar. 

O nível de restrição vai diminuindo gradativamente nas cores laranja, amarela, verde e azul. 

A capital São Paulo, assim como a maioria do estado, foi enquadrada na cor laranja, que permite somente a abertura de escritórios, atividades imobiliárias, concessionárias, comércio e shoppings - todos com restrições.

Já as regiões de Barretos, Presidente Prudente, Araraquara e Bauru foram classificadas com a cor amarela. Nestes casos, bares, restaurantes e salões de beleza também podem abrir com regras.

Por enquanto, nenhuma parte do estado recebeu as cores verde e azul, as mais permissivas. A situação será reavaliada a cada sete dias.

A indústria não essencial e a construção civil são permitidas em todas as cores, enquanto a abertura de espaços públicos continua proibida em todos os casos.

Veja também

VOLTA
TIM começa a reabrir lojas

Unidades estão no Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Santa Catarina.

NOVO NORMAL
Os maus produtos que a Covid-19 destacou

A arquitetura de software pode ser a solução para o sucesso ou fracasso dos negócios digitais.

RETORNO
Google vai reabrir escritórios em julho

Volta deve ser escalonada e de acordo com as condições externas, começando com 10% de ocupação.

CRISE
Dell congela benefícios

Companhia parou de colocar dinheiro no 401(k), uma espécie de FGTS dos Estados Unidos.

CRISE
Latam pede recuperação judicial

Companhia aérea fez a solicitação nos Estados Unidos, onde está a maioria de suas dívidas.

NOVO NORMAL
Gestão de ativos é chave em tempos de mudança

Portfólio de software precisa mudar rápido em tempos de crítica. SoftwareONE ajuda a organizar a casa.

COVID-19
HC monitora equipamentos de UTI com Elipse

Fazendo o controle remotamente, projeto busca diminuir o contato dos profissionais com os leitos.

COVID-19
São Paulo prorroga quarentena até 31 de maio

Somente os serviços essenciais permanecem autorizados a funcionar no estado.

FEIRA
São Paulo terá evento sobre nova mobilidade

Carros elétricos e cidades inteligentes serão temas do E-Mob, marcado para novembro.

EDUCAÇÃO
São Paulo paga auxílio merenda com PicPay

Serão mais de R$ 80 milhões para a alimentação de 32 mil estudantes durante pelo menos dois meses.