Grupo de CIOs do Planalto vai focar novos mercados, como Santa Catarina e Paraná. Foto: ClickEscolar

O Grupo de CIOs e Gestores de TI do Planalto, formado por 42 profissionais da região em setembro de 2012, acaba de mudar de nome, como forma de refletir um escopo maior de atuação.

O novo Gestores de TI do Interior da Região Sul (GTISUL) teve adesões de profissionais de fora da região Noroeste do Rio Grande do Sul, assim como interesse de outros estados como Santa Catarina e do Paraná.

Ainda em processo de solidificação, o grupo está elaborando um estatuto que deve reger as atividades futuras a serem desenvolvidas, bem como criar um perfil econômico dos membros.

Inicialmente, para ser membro é necessário ser o responsável na área de TI da empresa, ter um faturamento anual acima da faixa estipulada pelo grupo e ser convidado por um dos membros atuais. Além disso, não é permitida a participação de fornecedores como membros.

Os 42 fundadores originais têm um orçamento de TI combinado de R$ 100 milhões para 2013.

O grupo reúne gestores de empresas como BSBIOS, Grazziotin, Farmácias São João, Credeal, Unimed, UPF, Metasa, Comil, Supermarcados Economia e Rede Notre Dame.

As sedes das companhias, que juntas faturam R$ 5,6 bilhões por ano, estão em Passo Fundo, Carazinho, Erechim, Farroupilha, Guaporé, Marau, Não-Me-Toque, Panambí, Santa Maria, Serafina Corrêa e Tapejara. São 30 mil funcionários.

O Grupo recentemente elegeu sua primeira diretoria, para o ano 2013. Para presidente foi eleito Luiz Felipe Moraes Lopes, como vice-presidente, Artur Felipe Wendling e secretário, Cláudio José Franz.

Até agora, já participaram dos encontros do grupo fornecedores como IBM, Gruppen/Dell, Omega, LM2 e Service/Oracle, além de uma edição com as operadoras Vivo, TIM, Oi e Claro.

Quem tiver interesse em participar ou desejar alguma informação sobre o grupo pode entrar em contato através do e-mail contato.gtisul@gmail.com.