Aceita cartão? Foto: reprodução.

Se transferir dinheiro para efetuar pagamentos entre diferentes países não é coisa assim tão fácil, imagina isso entre planetas. O PayPal quer assumir este desafio, criando um sistema interplanetário (isso mesmo!) de pagamento eletrônico.

Segundo destaca o ARS Technica, o plano não é uma brincadeira. Apoiador de iniciativas espaciais como o SpaceX, o fundador do PayPal, Elon Musk, já afirmou em entrevistas que deseja passar o final de sua vida em Marte. Então melhor ter grana para comprar coisas por lá, certo?

Para acompanhar o desejo de Musk, o CEO David Marcus divulgou no blog da empresa nesta quarta-feira, 27, o lançamento do PayPal Galactic, programa criado em parceria com o Instituto SETI (Search for Extraterrestrial Intelligence).

Com o programa, o PayPal quer participar de pesquisas para responder questões sobre um possível sistema monetário em um possível futuro onde exista uma sociedade interplanetária, e quais as adaptações que precisarão ser feitas.

Segundo Marcus, a realidade de viagem interplanetária para o consumidor final se aproxima aos poucos, e a tecnologia precisa estar pronta para isso.

"As peças de infraestrutura que disponibilizarão isso estão se montando, e à medida que planejarmos o povoamento de outros planetas, as realidades práticas de nossas vidas precisam ser atendidas", explica.

Atualmente, uma tecnologia da NASA já contempla a transmissão de dados financeiros pela rede, em uma espécie de "super wireless". Astronautas da Estação Espacial Internacional já são capazes de comprar e-books ou fazer pagamentos por este sistema.

"Agora, se encontrarmos alienígenas e tivermos que aparecer com um sistema de pagamento entre espécies, as coisas podem ficar bem complicadas", finaliza o jornalista Jon Brodkin, do ARS Technica, em tom de brincadeira.