Mark Benioff. Foto: divulgação.

A Philips anunciou uma parceria estratégica com a gigante de CRM na nuvem Salesforce.com para a construção de uma plataforma de saúde baseada em nuvem aberta, com foco em gestão de relacionamento.

A nova tecnologia permite que cuidadores verifiquem de perto e ofereçam apoio a seus pacientes. A plataforma também habilitará dispositivos médicos e interoperabilidade de dados, como coleta de dados e análise posterior para melhor tomada de decisão clínica por profissionais e pacientes.

Baseada no Salesforce1 Platform, a solução terá integração de dados de múltiplas fontes em todo o mundo, incluindo registros médicos eletrônicos, informações de diagnóstico e tratamento obtidos através de equipamentos de imagem da Philips, equipamentos de monitoramento, dispositivos pessoais e outras tecnologias.

A colaboração já resultou em duas aplicações clínicas, o Philips eCareCoordinator e Philips eCareCompanion, que serão incluídas na nova plataforma da parceria.

Os aplicativos permitirão que a equipe de cuidados possa monitorar pacientes com condições crônicas em suas casas. Modelos similares de prestação de cuidados à base de tele saúde para os hospitais que utilizam o programa Philips eICU provaram redução da mortalidade em 26%, e do tempo de permanência em 20%, de acordo com um estudo recente da empresa.

"Nós entramos em uma nova era de transformação na área da saúde e a tecnologia está permitindo que a indústria possa conectar, cuidar e se envolver com os pacientes, e entre si, de uma maneira nova e profunda", explica Marc Benioff, presidente e CEO da Salesforce.com.

As duas companhias acreditam que os aplicativos cobrirão a continuidade dos cuidados, a partir do autocuidado e da prevenção, passando pelo diagnóstico e tratamento através da recuperação.

A divisão de saúde da Philips publicou em 2013 um faturamento de € 23,3 bilhões, empregando aproximadamente 112 mil funcionários, com vendas e serviços em mais de 100 países.