Francisco Pinto Neto. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Unify, multinacional de soluções de comunicação, anunciou o brasileiro Francisco Pinto Neto, ex-Silver Peak, como novo vice-presidente sênior de Canais para a América Latina.

Na posição, o executivo assume a liderança das atividades relacionadas a parceiros no Brasil e na Argentina, além dos negócios em geral do México, Colômbia, Chile e Peru.

Neto ocupa o cargo até então ocupado por Reinaldo Opice, que acumulou a posição em novembro do ano passado depois de entrar na organização como country manager da marca no Brasil.

Com 25 anos de experiência na atuação com canais, Francisco assume a posição em um momento de reformulação global da Unify, que está mudando sua estratégia go-to-market para uma mais centrada em canais.

“A Unify tem um sólido programa para parceiros e vem trabalhando fortemente na região para desenvolver novos canais. Já evoluímos muito nesse sentido, mas ainda há uma série de oportunidades a serem exploradas”, destaca o executivo.

Antes de assumir a nova posição na Unify, Francisco Pinto Neto atuava desde 2010 como VP de Vendas da Silver Peak Systems, onde foi responsável pelo desenvolvimento da estratégia de canais da companhia para a América Latina.

O executivo também acumulou posições de liderança em diversas companhias, como 3Com Corporation, Sonicwall, AudioCodes, Riverstone Networks, Philips Electronics e Toshiba.

“A América Latina representa uma oportunidade significativa para a Unify e é fundamental que continuemos fortalecendo nossos canais no Brasil e no restante da região. Francisco tem experiência e conhecimento na área para seguir desenvolvendo a base de parceiros e expandindo nossos negócios”, declara Jon Pritchard, VP executivo de Canais da Unify.

De acordo com a Frost & Sullivan, a Unify tem a maior participação de mercado do setor de Comunicação e Colaboração Unificadas (Unified Communications and Collaboration - UCC).

A empresa tem no Brasil unidades em nove cidades: Porto Alegre, Curitiba, São Paulo, Belo Horizonte, Recife, Salvador, Rio de Janeiro, Brasília e Campinas.