Passageira no lounge do Uber. Foto: divulgação Uber.

A Uber montou uma espécie de ponto informal para os passageiros do aeroporto Santos Dumont no Rio de Janeiro

No espaço, chamado de “lounge” pela empresa, os usuários do serviço poderão acessar internet wifi, carregar o celular, e, mais importante, aguardar o seu Uber chegar.

O local fica no Shopping Bossa Nova, que tem acesso pelo próprio aeroporto carioca. A novidade já está funcionando desde a terça-feira, 26, e deve ir até 20 de setembro, período no qual se disputam na cidade os Jogos Olímpicos.

Muitas vezes localizados fora do centro das grandes cidades, aeroportos são normalmente atendidos por serviços de taxi diferenciados e geram corridas polpuldas.

Isso tem feito deles territórios especialmente conflituosos na relação entre o Uber e os taxistas.

Em Porto Alegre, por exemplo taxistas e motoristas do Uber protagonizaram uma briga no meio do saguão de desembarque do Salgado Filho, no momento sob investigação policial.

O caso do Santos Dumont, localizando no coração do Rio de Janeiro e atendido por taxis normais, é um pouco diferente.

O Uber frisa que a sua intenção é atender melhor os turistas que chegarão para a Olimpíada (o local inclusive terá atendimento em inglês).

Mas também pode ser que Uber está aproveitando um momento de grande afluência de público em um aeroporto com menor potencial de conflito para testar um novo modelo de atuação a ser  replicado no futuro.