Alisson Idaló, diretor de estratégia e produtos do Social Bank. Foto: Divulgação.

O Social Bank, sistema para transação monetária a partir de contas de pagamento digital, comprou a Vale Presente, operação de gift cards personalizados que pertencia à HUB Fintech.

Com a incorporação da Vale Presente ao Social Bank, a empresa de cartões tem como meta dobrar de tamanho até o 2º semestre de 2020, alcançando movimentação de R$ 600 milhões e conquistando 10 mil novos clientes corporativos.

A partir da aquisição, o Social Bank coloca em prática uma nova etapa de seu projeto de expansão de mercado, em paralelo às ações para ampliar os ativos e o número de produtos oferecidos. 

O plano com a Vale Presente é otimizar e modernizar a experiência de presentear, além de agregar valor ao atual portfólio de soluções do grupo, sobretudo para o público B2B.

Outras novidades integradas ao modelo de negócios são que os gifts poderão ser entregues também via web, através de links, por QR Code ou como um cartão virtual. Além disso, o app do Social Bank (Android e iOS) ganha o recurso do Social Gift, que permitirá ao usuário enviar presentes via P2P para seus contatos.

Alisson Idaló, diretor de estratégia e produtos do Social Bank, explica que o potencial que a Vale Presente possui de complementar o ecossistema de produtos oferecidos pela fintech foi um fator determinante para a aquisição. 

“Hoje oferecemos o portfólio de produtos e serviços financeiros mais completo do mercado. Com este modelo one-stop shop, nossos clientes têm à mão todas as ferramentas e produtos que precisam para a operação, sem a necessidade de perder tempo ou dinheiro buscando soluções individualizadas no mercado”, comenta Idaló.

O ecossistema do Social Bank inclui o Social Payroll (solução para pagamentos de salários), o Social Control (para gestão de despesas e reembolsos), o Social Benefits (cartões alimentação e refeição) e a Social Pay, empresa de facilitação de pagamentos (através das maquininhas PinPad e POS) e antecipação de recebíveis.

No final do mês passado, o Social Bank lançou também a Social Coin, moeda social digital com base em blockchain e lastreada em bens de consumo, como combustíveis e energia.

Criada em 2011, a Vale Presente já emitiu mais de três milhões de cartões e transacionou R$ 1,5 bilhão. Hoje, tem quatro mil clientes na base e movimenta uma média de R$ 300 milhões por ano.

O cartão personalizável é aceito em qualquer estabelecimento credenciado à MasterCard.