A rede possui mais 1,6 mil terminais de autoatendimento. Foto: divulgação.

A Lojas Renner integrou o sistema do Realize, seu braço financeiro, com o da Saque e Pague, fintech gaúcha conhecida pela sua rede de caixas automáticos independentes, para possibilitar o pagamento das faturas do cartão de crédito Meu Cartão.

Para pagá-las, o cliente precisa ir a qualquer um dos ATMs da rede Saque e Pague, identificar-se com o seu CPF e efetuar o pagamento em dinheiro.

Segundo a empresa, a ideia veio como alternativa ao pagamento nas lojas, fechadas por conta da pandemia do novo coronavírus.

Essa operação, que precisava ser feita rapidamente, foi por meio do portal de integração Saque e Pague Connect, que possibilita a interoperabilidade com todos os mecanismos de segurança.

“Temos percebido no mercado a necessidade que muitos varejistas têm de oferecer um canal financeiro complementar para seus clientes. O portal Saque e Pague Connect possibilita uma solução que pode ser customizada da maneira mais adequada para novos parceiros”, afirma Ronaldo Aloise Junior, diretor de negócios da Saque e Pague.

Criada em 2010, a Saque e Pague encerrou o ano passado com faturamento de R$ 120 milhões, um crescimento superior a 30% em comparação com 2018. 

Para 2020, a expectativa é que a companhia alcance os R$ 165 milhões de faturamento, o que representaria um aumento de 40% na comparação com 2019.

A rede possui mais 1,6 mil terminais de autoatendimento e mais de 30 parceiros estratégicos.

Fundada em 1965, a Lojas Renner S.A. tem mais de 500 lojas em todos os estados brasileiros, além de uma unidade no Uruguai. Entram na conta as marcas Renner, Camicado, Youcom e os serviços financeiros da Realize. Suas ações estão listadas na B3.