JUSTIÇA PAULISTA

Profissionais de TI terão vale-refeição

28/08/2014 16:50

Foi aprovado o vale no valor de R$ 15 para jornada de 8h e de R$ 11,50 para o expediente de 6h.

Justiça confirmou vale no valor de R$ 15 para jornada de 8h. Foto: Dragon Images/Shutterstock.com

Tamanho da fonte: -A+A

Na quarta-feira, 27, o Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo (TRT-SP) confirmou que o vale-refeição no valor de R$ 15 para jornada de 8h e de R$ 11,50 para o expediente de 6h deve ser pago aos trabalhadores por todas as empresas de TI do estado de São Paulo. 

Publicado no dia 11 de julho, o relatório do julgamento determinou que todas as empresas deveriam fornecer auxílio-refeição. 

Contudo, ao transcrever o texto para a cláusula, ocorreu um erro na redação, segundo o Sindicado dos Trabalhadores em Tecnologia da Informação, mantendo equivocadamente o VR apenas para empresas com mais de 35 funcionários. 

Para ajustar o erro, o departamento jurídico do Sindpd apresentou o embargo da redação do acórdão. 

"Com esta decisão, as dúvidas foram extintas e as empresas não têm mais alegações, nem subterfúgios, para o não pagamento do VR", afirma o presidente do Sindpd, Antonio Neto.

A publicação da decisão será feita no Diário Oficial da União da próxima semana e ratifica a decisão do TRT, já confirmada no julgamento do dissídio, e reitera os termos divulgados pelo Sindpd.

O acórdão ratifica a decisão do Tribunal de conceder reajuste salarial linear de 7,5%; aumento de 8% nos pisos; Participação nos Lucros e/ou Resultados (PLR) obrigatória, além de 90 dias de estabilidade para os funcionários a partir da data do julgamento (30/06). 

Conforme a sentença, todos os itens devem ser pagos de forma retroativa ao dia 1º de janeiro de 2014.

Veja também

LICITAÇÃO
Justiça do RJ tem terminais da Schalter

Foram comprados 140 equipamentos de autoatendimento por R$ 486.850.

CARREIRA
Piccoli sai do Tribunal de Justiça do RS

Piccolli foi presidente da Procergs até 2011.

PROBLEMAS
Stefanini na AL-RS para por greve

De acordo com o Sindppd-RS, eles estão desde novembro de 2012 sem reajuste salarial.

 

REAJUSTE
TRT: 7,5% para profissionais de TI em SP

A sentença determina proposta de PLR, vale refeição de R$ 15 e aumento de 8% para os pisos.

POSICIONAMENTO
Seprorgs quer gerar negócios

A entidade deve lançar até o final do ano um portal que funcionará como uma espécie de marketplace.

SAGA SINDICAL
Sindicato dos provedores, a missão

Ex-prefeito de São Borja lidera criação de novo sindicato. Sindppd-RS é contra.

BRASÍLIA
Internet no trabalho é proibida para operários

Empregados nos canteiros de obra do Distrito Federal estarão proibidos de usar celulares e tablets.

CRESCIMENTO
Empresário de TI está otimista demais

Projeções de crescimento das empresas de tecnologia não estão fechando este ano.