Valério Regente. Foto: divulgação.

A BITS, feira CeBit promovida pela Hannover Fairs em Porto Alegre, anunciou oficialmente uma repaginação em sua abordagem para sua próxima edição, disposta a atrair players maiores e se tornar de vez uma referência local em eventos de TI.

Marcada para ocorrer entre os dias 11 e 13 de agosto de 2015, a feira seguirá em seu tradicional local, o Centro de Eventos da FIERGS. Entretanto, as mudanças são várias, desde o seu foco até o nome - de Business IT South America nas edições anteriores, agora a feira se chamará Business IT Summit.

Conforme apresentou Valério Regente, diretor geral da Hannover Fairs Sulamérica, a adoção do termo Summit tem sua explicação. Fugindo da pecha de feira dedicada à promoção de negócios e encontros comerciais, a nova BITS agora quer focar em conteúdo, dando destaque a palestras e apresentações das marcas.

Com esta abordagem, o plano da feira é atrair os grandes players de TI do país, tarefa na qual a BITS falhou em suas edições e chegou a um ponto avançado em 2014.

De acordo com dados divulgados ao final da BITS 2014, o evento anotou uma projeção de negócios futuros fixada em US$ 31 milhões, 2,3 vezes mais do que em 2013. Já o número de visitantes teve uma queda substancial, com 7 mil pessoas frente às 12 mil do ano passado.

Embora o plano da Hannover Fairs seja recuperar o público perdido, assim como conquistar novos visitantes, Regente não divulgou estimativas do números de pessoas que a BITS 2015 espera levar à Fiergs.

Na parte de expositores, a metragem total vendida ficou em 4.439 metros quadrados. Foi a primeira vez que a organização divulgou sua área exata. Em outros anos, as estimativas ficavam na faixa dos 5 mil.

Segundo reportou o Baguete durante a sua cobertura da feira este ano, a maioria dos estandes maiores na feira pertenciam a entidades e universidades, com poucas empresas pagando por estandes no evento.

A grande maioria dos expositores estava em estandes coletivos, com participações subsidiadas por Sebrae, Rede CIN/Apex e os governos português, indiano, argentino e alemão. Apenas 15 empresas bancaram seus próprios estandes, todas elas com investimentos discretos.

Para Regente, ao focar no conteúdo, inclusive apostando em curadoria de conteúdos em parceria com a consultoria internacional Forrester e trazendo palestrantes da própria Cebit, em Hannover, a organização do evento espera conquistar nomes grandes, que podem usar esse espaço como vitrine para seus produtos e cases.

"Fomos ouvir as demandas do mercado e vimos que, por parte das empresas maiores, o interesse é aparecer e mostrar sua marca ao maior público possível. Elas não querem mais ficar em estandes", afirmou Regente.

Outro movimento estratégico foi a opção por lançar o evento cedo, cerca de dez meses antes de sua realização. Conforme o diretor da Hannover Fairs na região, a equipe comercial do evento já está em negociação com possíveis expositores e patrocinadores.

Para atender a nova proposta, o evento terá uma estrutura interna totalmente nova, com um espaço de palestras (chamado BITS Global Conferences) ocupando o centro do evento. O tema principal das apresentações será A Era do Consumidor (Age of the Customer), mesmo da feira em Hannover.

Ao redor do espaço de palestras ficarão as estruturas já conhecidas em outras edições, como os estandes e o espaço de matchmaking entre empresas e investidores. Segundo Regente, a expectativa para 2015 é que os encontros com investidores movimentem cerca de US$ 15 milhões na feira.

O Dash Games, evento dedicado ao setor de jogos eletrônicos que é realizado em paralelo à BITS, marcará presença pelo segundo ano.

Outro espaço que retornará na BITS 2015 será o CIO Project, espaço dedicado a troca de experiências entre gestores de tecnologia e relacionamento com fabricantes patrocinadores. De acordo com Regente, a expectativa é contar com mais CIOs em 2015. Executivos de empresas como Plimor, Feevale, Santa Clara e JBS Frangosul já confirmaram presença.

"Estamos apostando sobretudo em um ambiente de interatividade, onde o conteúdo e troca de informações seja o ponto de partida para os negócios. É um aperfeiçoamento do que já fizemos, mas também é um novo começo", afirma Regente.

Vale mencionar que em outras edições a BITS chegou a trazer nomes de peso para integrar suas palestras e debates, mas não chegou a trazer estas atividades para o primeiro plano na agenda. Em 2014, nomes como o presidente da Vivo, Antonio Carlos Valente, e o CMO da finlandesa Rovio, criadora do game Angry Birds, foram palestrantes.