A produtora de biodísel BSBIOS confirmou um investimento de R$ 72 milhões em Passo Fundo. Foto: Divulgação.

A produtora de biodísel BSBIOS confirmou um investimento de R$ 72 milhões em Passo Fundo.

Entre os recursos, R$ 47 milhões serão utilizados nas ampliações e R$ 25 milhões em capital de giro. 

“Com essa iniciativa estamos nos preparando para atender o aumento de mistura dos atuais 10% para 15% de biodiesel ao óleo diesel. Também queremos continuar, conforme a nossa visão, estando entre os três maiores produtores de biodiesel do país,” ressalta , Erasmo Carlos Battistella, presidente da empresa.

A companhia está hoje na fase de licenciamento ambiental. A previsão é iniciar as obras no processamento de grãos em fevereiro de 2019. 

Já as fábricas de biodiesel e de desodorização de gordura devem iniciar entre abril e agosto do próximo ano.

Quando iniciou a produção de biodiesel em Passo Fundo, a empresa possuía capacidade para fabricar 124,2 milhões de litros de biodiesel por ano. Desde então, já passou por três ampliações.

Agora a empresa se prepara para passar de 288 milhões de litros para 420 milhões de litros de biodiesel por ano. 

A planta de processamento de grãos também receberá um incremento. Ela passará das atuais 1.080 mil toneladas de esmagamento de soja anuais para processar 1.280 mil toneladas por ano.