Unidade da rede de farmácias Pague Menos. Empresa está em todo o país. Foto: divulgação.

A rede de farmácias Pague Menos, uma das maiores em atuação no país, implementou um software da MakeValue, uma companhia de software de Joinville, para fazer o controle de todos seus contratos de arrendamento dentro das regras de contabilidade do padrão IFRS.

Esse é um tema importante para a Pague Menos, que tem 1,177 unidades espalhadas em 350 municípios, estando presente em todos os estados do Brasil.

A solução implantada foi o TVM, que funciona integrado aos principais módulos do sistema de gestão da SAP usado pela Pague Menos, atendendo as necessidades da área de negócios da empresa.

“Um grande volume de contratos foi cadastrado, validado e passou a ter seus impostos, juros e depreciação dos ativos, calculados e contabilizados de forma automática, garantindo produtividade e segurança”, comenta Anário Carvalho, diretor de Planejamento, Controladoria e Relações com investidores da Pague Menos.

A Pague Menos fechou 2018 com um faturamento de R$ 6,6 bilhões, alta de 4,6% frente aos resultados do ano anterior.

O IFRS é um padrão de contabilidade internacional, ao qual as empresas brasileiras passaram a estar obrigadas a se enquadrar a partir de janeiro.

A MakeValue atende a 40 grupos econômicos, totalizando uma centena de CNPJs, incluindo nomes como Renault, Alpargatas, Malwee, Apsen Farmacêutica e Midea Carrier. Todos usuários de SAP ECC ou S/4Hana. 

A empresa catarinense é parceira de desenvolvimento da SAP e foi fundada há cinco anos por um grupo de sócios que inclui Vitor Belous, ex-consultor SAP e supervisor de tesouraria HSBC e Guilherme Ferreira, ex-coordenador de P&D da Gesplan, uma companhia de software de gestão de tesouraria sediada em Joinville.

Os profissionais são experientes na na criação de motores de cálculo e soluções para o mercado financeiro. 

A MakeValue tem uma gama de produtos focados em gestão de orçamento contábil, remessas bancárias e controle e contabilização de incentivos fiscais, entre outros.