Huawei está ampliando sua palheta de cores. Foto: Panom Pensawang / Shutterstock

A Huawei fechou um acordo com a carioca Tracenet IT Solutions como a primeira parceira brasileira de capacitação para sua unidade enterprise.

A empresa já oferecia cursos da Cisco, principal rival da Huawei e é um centro de teste autorizado da Person Vue.

“Pouco tempo após abrirmos as incrições para as certificações em tecnologia Huawei, verificamos uma demanda relativa até mesmo superior a de empresas mais tradicionais do mercado”, revela Francesco Pollola, CEO da Tracenet IT Solutions.

O treinamento faz parte do Programa de Capacitação e Certificação Empresarial da Huawei, que abrange 11 áreas e 13 direções técnicas da indústria e é o único programa de certificação que cobre todos os campos técnicos da TIC.

Até agora, a gigante chinesa só tinha um parceiro na área educacional no país, o Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel). 

Sediado no chamado vale da eletrônica mineiro, o Inatel oferecia só capacitação em tecnologias de rede da Huawei.

A diversificação da oferta de treinamento segue uma mudança estratégica maior na companhia, que começou no mercado de telecomunicações, mas quer expandir seus negócios para se tornar uma força também no mercado global de TI.

Segundo a companhia, atualmente a parte de TI representa US$ 1 bilhão dos US$ 39,46 arrecadados pela empresa. Até 2019, o plano é aumentar este faturamento para US$ 10 bilhões, batendo de frente com empresas como HP, Oracle e IBM. 

No Brasil, a Huawei também anunciou investimentos de peso para aumentar sua presença, anunciando em agosto uma nova unidade de negócios de data center para a América do Sul, com foco principal no Brasil e objetivo de ajudar operadoras e empresas em tópicos como big data, computação em nuvem e mobilidade. 

O anúncio segue uma série de investimentos da marca chinesa no Brasil. Em julho, a companhia anunciou a criação de um centro de inovação no Tecnopuc, parque tecnológico da PUC-RS, em Porto Alegre. A partir do acordo, a estatal gaúcha de procassamento de dados Procergs e a Huawei vão trabalhar em conjunto em projetos de cidades digitais, computação em nuvem e comunicações unificadas.

A empresa tem operações em São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Curitiba e Recife, além de possuir um centro de treinamento em Campinas e um centro de distribuição em Sorocaba.