EMC compra três. Foto: divulgação.

A EMC, fabricante de equipamentos de storage, anunciou na terça-feira, 28, a aquisição da Cloudscaling, Maginatics e Spanning Cloud Apps, três empresas de tecnologias de nuvem, de olho na ampliação de sua oferta de cloud híbrida.

Segundo destacou a fabricante, as aquisições agregam ao portfólio da empresa soluções de infraestrutura, armazenamento e proteção de dados na nuvem.

"As aquisições, juntamente com o lançamento hoje da solução EMC Enterprise Hybrid Cloud, enfatizam o compromisso da EMC com os clientes para oferecer opções e agilidade em implementações de nuvem híbrida", destacou a companhia em nota.

A Cloudscaling fornece soluções de infraestrutura como serviço (IaaS) equipada com o padrão aberto OpenStack para soluções de nuvem híbrida e privada, e é membro fundador da OpenStack Foundation.

A chegada da Cloudscaling servirá para a EMC dar mais opções de administração de nuvens híbridas e privadas, acelerando suas ofertas de infraestrutura equipada com OpenStack.

Já a Magnatics desenvolve tecnologias de nuvem para oferecer um namespace global consistente e acessível de qualquer dispositivo ou local, em nuvem híbrida corporativa, por meio de interfaces em várias nuvens públicas e privadas.

Com a aquisição, a EMC quer reforçar sua estratégia de proteção de dados em nuvem possibilitando a unificação do gerenciamento e da proteção de dados em diferentes nuvens públicas, privadas e híbridas.

Por fim, a Spanning fornece backup e recuperação por assinatura para dados e aplicativos cloud. As soluções da Spanning evitam interrupções devidas à perda de dados no Google Apps e Salesforce.com - a solução para Microsoft Office 365 estará disponível no primeiro semestre de 2015.

Randy Bias, CEO da Cloudscaling, e sua equipe se juntarão à EMC Emerging Technologies Division, capitaneada por seu presidente CJ Desai. Amarjit Gil, CEO da Maginatics, e sua equipe, bem como Jeff Erramouspe, CEO da Spanning, e sua equipe, se juntarão à recém-formada Core Technologies Division, capitaneada por seu presidente Guy Churchward.

De acordo com a Forbes, o pacote de compras feito pela EMC segue o rastro de outras grandes empresas, que apostaram na compra de empresas menores de cloud para reforçarem a sua oferta. Em 2013, a Oracle comprou a Nimbula, a HP levou recentemente a Eucalyptus, e a Cisco adquiriu a Metacloud.

Segundo informação da Bloomberg, o acordo com a Cloudscale, a empresa mais expressiva da leva, não deve ter passado dos US$ 50 milhões, um valor modesto para o tamanho da EMC. Para analistas, agora resta saber como a empresa alinhará as novas empresas com sua oferta.

"Como isso (as compras) será administrado ao lado da presença da VMWare (marca controlada pela EMC) e no spin out da Pivotal (joint-venture da EMC e VMWare) ainda será visto", afirmou o analista Ben Kepes, da Forbes.