Gissela Franke Colombo Berlaver.

A Lojas Colombo, uma das maiores varejistas do país, teve uma troca de comando, com Gissela Franke Colombo Berlaver assumindo a presidência da empresa no lugar do pai, Adelino Colombo.

Colombo, que fundou a empresa há seis décadas e tem 76 anos, segue na presidência do conselho de administração da organização. 

Gissela é bacharel em Direito pela Universidade de Caxias do Sul (UCS) e foi gerente do Serviço de Atendimento ao Cliente da Lojas Colombo por 25 anos. 

Em declarações ao jornal gaúcho Zero Hora, a nova presidente prometeu investir em comércio eletrônico, com a criação de uma plataforma de marketplace focada no mercado nacional (as lojas físicas da Colombo estão concentradas na região Sul).

“Modernizar e acompanhar as mudanças do mercado é um dos meus grandes desafios. E a maior mudança de que o varejo necessita é a junção da nossa atividade de e-commerce com as lojas de rua”, disse à ZH a executiva.

A troca de comando na Lojas Colombo é uma novela antiga no meio empresarial gaúcho. 

A empresa tentou por três ocasiões passar o comando para profissionais de mercado. 

Em 2002, foi contratado Eldo Moreno, ex-Magazine Luiza e ex-Pernambucanas. Adelino Colombo reassumiu o cargo em 2005. Em 2011, aos 80 anos, o empresário fez nova tentativa, elevando à presidência Gustavo Courbassier, do Bradesco, que acabou deixando a empresa pouco tempo depois.

Logo depois veio da Azaleia Rodrigo Miceli Piazer, que durou dois anos e saiu em 2015.

Com faturamento de R$ 1,4 bilhão em 2016, rede Lojas Colombo ficou na oitava posição nacional no último ranking do varejo de eletroeletrônicos e móveis. A empresa tem 250 lojas físicas em 191 cidades do Sul do país.

Os problemas de sucessão, no entanto, eram apontados com frequência como um dos pontos fracos da companhia.

Em declarações à ZH, Colombo reconheceu as dificuldades de sucessão, e afirmou que todas sucessões de empresas locais (o empresário se refere à Serra Gaúcha, onde a Colombo está sediada) foram “resolvidas na família”.

Colombo prometeu que vai “chegar mais tarde e sair mais cedo” e dedicar mais tempo para pescar, seu passatempo preferido.