Mitre constrói prédios de alto padrão em São Paulo. Foto: Pexels.

A Mitre Realty, uma construtora focada no público de alta e média renda em São Paulo, fez uma renovação completa na sua infraestrutura de TI com equipamentos da Hitachi Vantara.

A escolha foi pelo modelo híbrido. O core business e as aplicações ficaram no data center da empresa, já o ambiente de disaster recovery foi replicado na nuvem. O projeto foi entregue pela Hands for IT.

A infra no data center conta com servidores Hitachi Advanced Server DS120 e DS220 e dois módulos Hitachi Unified Compute Platform CI (UCP CI) Series, com licenciamento e a venda do sistema operacional Linux. 

Foi adquirida também a implementação do Hitachi Virtual Storage Platform (VSP) G370 para um ambiente híbrido com flash e capacidade de 30 terabytes, e o Hitachi Virtual Storage Platform (VSP) G350 para o ambiente de backup e homologação com capacidade de 86 terabytes. Para finalizar, foi instalada outra Hitachi Virtual Storage Platform (VSP) G350 para replicação de todo o ambiente.

"Buscávamos algo que pudesse nos trazer mais performance, resiliência, segurança e flexibilidade para suportar nosso potencial de crescimento. O que nos surpreendeu é que todo o processo de implementação e migração das soluções da Hitachi Vantara ocorreu em poucos dias", relata Danilo Rogério Bonfim, Head de TI na Mitre Realty.

A Mitre está em alta, tendo feito uma bem sucedida abertura de capital na bolsa de valores em fevereiro, na qual captou R$ 1,18 bilhão. 

O investimento em infra visa atender também exigências em relação a governança e segurança dos dados de uma empresa de capital aberto.

Como o projeto foi entregue antes da pandemia do coronavírus, a nova infra também ajudou no processo de colocar 300 colaboradores em home office, sem nenhuma interrupção das operações.

De acordo com Bonfim, a nova infraestrutura deve atender os próximos três anos de crescimento da Mitre Realty, que está focada na transformação digital, no relacionamento com o cliente através de novos aplicativos e na agilidade dos serviços com a adoção da assinatura digital de documentos.

A Mitre possui um patrimônio líquido de R$ 60 milhões e lançou dois empreendimentos no ano passado de cerca de R$ 266 milhões.

A expectativa da companhia agora é alcançar um valor geral de vendas (VGV) de R$ 1,5 bilhão ao ano, após bater a cifra de R$ 903 milhões ao longo dos últimos três anos e nove meses.

O Grupo Hitachi tem aproximadamente 300 mil funcionários em todo o mundo. 

A Hitachi Vantara é a união da Hitachi Data Systems, companhia de armazenagem de dados, com a Hitachi Insight, focada em internet das coisas, e a Pentaho, responsável por um produto open-source de análise de dados e adquirida em 2015.