ABERTURA

Intelbras entra com pedido de IPO

30/11/2020 14:35

Companhia catarinense pretende utilizar recursos da oferta para acelerar seu crescimento.

A empresa teve um faturamento de R$ 1,9 bilhão em 2019. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Intelbras, fabricante catarinense de equipamentos segurança, redes e telecomunicações, entrou com pedido na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) para realizar uma oferta pública inicial primária e secundária de ações (IPO).

Segundo o site IstoÉ Dinheiro, o IPO é coordenado por BTG Pactual, Santander Brasil, Itaú BBI e Citigroup.

No prospecto preliminar, a empresa apresentou uma receita operacional líquida de R$ 1,46 bilhão nos primeiros nove meses deste ano, representando um aumento de 20,2% quando comparado ao mesmo período do ano anterior.

O lucro líquido foi de R$ 121,2 milhões no período, alta de 2,6% em relação à mesma etapa de 2019.

A unidade de segurança eletrônica da companhia representa cerca de 53% da receita total, com 777 milhões de reais no acumulado do ano. A divisão de comunicação foi responsável por 37% da receita, enquanto a de energia gerou 9,7% do faturamento.

Com os recursos da oferta, a empresa pretende acelerar seu crescimento através de aquisições, além de expandir capacidade de produção de fábricas em Manaus e Minas Gerais, bem como em sua nova unidade em Santa Catarina, focada em produtos de energia.

Fundada em 1976, a Intelbras está presente em 98% dos municípios brasileiros e teve um faturamento de R$ 1,9 bilhão em 2019.

Ela possui quatro unidades fabris, sendo duas em Santa Catarina, uma em Minas Gerais e uma no Amazonas, além de um escritório na China. 

A empresa mantém mais de 300 profissionais especializados na área de pesquisa e desenvolvimento, de um total aproximado de 3,5 mil colaboradores, além de contar com mais de 200 distribuidores e 120 mil revendedores.

Veja também

CONTRATAÇÃO
Navarro, ex-Mater Dei, é novo CIO da BRZ

Após três anos nas áreas de educação e saúde, executivo retorna ao setor da construção.

CORRIDA CANCELADA
Colômbia proíbe operações da Uber

Decisão aconteceu em processo aberto por app de táxi.

COLEÇÃO
Sinqia segue comprando

A bola da vez é a Fromtis, outra solução de nicho no setor financeiro. Já são 17 compras desde 2005.

CARTÕES
Bradesco padroniza faturas com FIS

Projeto de digitalização junto a varejistas como C&A e Casas Bahia foi acelerado com a pandemia.

DRONES
XMobots investe R$ 4,75 milhões em nova fábrica

Planta industrial implantada em Itajubá, Minas Gerais, deve iniciar operações em julho de 2021.

A JATO
Mercado Livre terá frota própria de aviões

Objetivo é aumentar a capacidade de entregas para o dia seguinte à compra no Brasil.

INOVAÇÃO
Fapesc e Finep: R$ 7,5 milhões para Santa Catarina

Valor irá para 28 empresas, que receberão entre R$ 150 mil e R$ 300 mil para novas soluções.

LOGÍSTICA
Amazon tem novos CDs no RS, MG e DF

Novos centros de distribuição somam 75 mil metros quadrados de área.

APAGÃO
Amapá: operadoras liberam roaming

Serviços de telecom seguem sendo fornecidos com geradores próprios no estado, mas de forma limitada.

MÃO DE OBRA
BriviaDez vai formar cientistas de dados

Agência pretende capacitar 40 profissionais por ano. Programa está com inscrições abertas.