Campus Geração Digital, localizado na Avenida Interlagos, 3501, em São Paulo. Fotos: Humberto Siqueira / Santander Brasil

O Santander anunciou que vai contratar 400 vagas para profissionais de tecnologia.

As vagas incluem funções de liderança e abrangem áreas como plataformas digitais, gestão de dados, inteligência artificial e inovação.

As principais posições são para cargos de: desenvolvedor Java; arquiteto BPM / RPA;, engenheiro de Inteligência Artificial, engenheiro de Dados e desenvolvedor Android, iOS e Web SPA.

Em nota, o banco não dá detalhes sobre o que o acréscimo representa em relação ao quadro já existente.

A maioria dos postos de trabalho são para o Campus Geração Digital, localizado na Avenida Interlagos, 3501, em São Paulo.

O local tem todos os apetrechos dos locais de trabalho em alta em tecnologia, com direito a quadra e campo de futebol, espaço gourmet com churrasqueira, sinuca, pebolim e wi-fi em todo o ambiente.

Para quem prefere jogar bola com os amigos no final de semana e não em horário de trabalho, o Santander oferece benefícios mais mundanos como vale alimentação e refeição; plano de saúde; participação nos lucros e bônus. 

“Temos uma remuneração competitiva, oportunidade de carreira e, principalmente, de desenvolvimento profissional em um ambiente dinâmico, motivador e desafiador”, destaca o diretor executivo de Tecnologia do Santander, Marino Aguiar. 

O Santander focou sua divulgação nas posições de trabalho para captar os currículos que precisa e não deu muitas pistas do movimento estratégico por trás.

A nota diz no entanto que o Santander Brasil responderá por 30% do investimento de US$ 2 bilhões previsto pelo Grupo Santander nos próximos anos para ampliar a digitalização de suas operações, o que é no dólar de hoje algo como R$ 2,3 bilhões. 

O banco também destacou que soluções desenvolvidas na unidade brasileira estão sendo internacionalizadas pelo grupo, o que pode indicar que elas serão destino de investimentos.

Um exemplo são as contas de pagamento da Superdigital, que já está presente no Chile e no México. A próxima da lista é a Getnet, da área de adquirência, que se tornará uma plataforma global de pagamentos eletrônicos do Santander.