Foto: flickr.com/photos/hisa

A TIM antecipou em um mês a sua oferta de banda larga residencial em São Paulo. O prazo original previsto pela empresa era setembro.

O serviço Live TIM estará disponível a partir de 01de agosto, prometendo velocidade 20 vezes superior à média da banda larga fixa no Brasil.

Inicialmente, a oferta larga com 200 mil clientes em potencial – a partir de R$ 89,90 ao mês.

ATÉ 100 MBPS
Segundo a operadora de telecomunicações, há mais de 2 mil prédios conectados, de um total de 5.700 autorizados em ambos os municípios.

Os primeiros testes em campo demonstram resultados promissores, confirmando a capacidade da banda larga da operadora de atingir velocidades reais entre 25 Mbps e 100 Mbps.

INFRA DA ATIMUS
A novidade é resultado da aquisição da AES Atimus, em julho de 2011, por R$ 1,6 bilhão, que trouxe para a operadora uma rede de fibra ótica de alta qualidade, com mais de 5,5 mil quilômetros em 21 cidades das regiões metropolitanas do Rio de Janeiro e de São Paulo.

Dois pacotes estarão disponíveis no mercado: por R$ 89,90 mensais, os clientes têm navegação ilimitada com velocidade de até 35 Mbps para download e até 20 Mbps para upload.

Quem preferir uma conexão ainda mais rápida, conta com a oferta Live TIM Multi, com velocidade de até 50 Mbps para download e até 30 Mbps para upload, por R$ 129,90 mensais.

As duas opções oferecem modem Wi-Fi gratuito.

“Estamos apresentado aos brasileiros uma nova experiência de acesso à internet, com uma conexão verdadeiramente rápida, atendendo a uma demanda reprimida do mercado”, diz Rogerio Takayanagi, presidente da TIM Fiber.

EQUILIBRANDO AS COISAS
A TIM, que teve uma variação de 0,9% negativo no lucro líquido do último trimestre, frente ao mesmo período no ano passado, está sob pressão.

Há duas semanas a Anatel proibiu as vendas de novas linha de celulares pela empresa – nicho original da TIM Brasil – em 18 estados e no Distrito Federal.

O problema: qualidade da oferta do sinal.

“A Live TIM já está 100% adequada à nova resolução de qualidade do setor, que determina a entrega de pelo menos 60% da velocidade média contratada nos planos de dados até o final de 2012”, garante Takayanagi.

Com a antecipação da oferta do TIM Fiber, a TIM pode estar colocando em campo uma estratégia para equilibrar os resultados do próximo trimestre, enquanto as vendas não são liberadas.

Segundo o estudo NetSpeed Report, do Ibope Nielsen Online, o número de usuários ativos de conexões com mais de 2 Mb no Brasil, que acessam a internet de casa, chegou a 16,8 milhões em junho, ou 91% mais do que no mesmo período de 2011.

Comparado ao número de pessoas que usavam conexões mais rápidas no mesmo período do ano passado, isso representa mais 8 milhões de pessoas, segundo a metodologia de aferição de velocidade utilizada pela Nielsen em oito países.