Tamanho da fonte: -A+A

A virtual candidata petista à presidência da República, Dilma Rousseff, terá que lidar durante a campanha com a quantidade de material publicado na rede sobre sua militância política radical durante a ditadura militar.

No podcast Opinião do Editor desta quinta-feira, 10, o editor do Baguete, Maurício Renner, comenta que são pelo menos 80 mil as páginas que retornam para a busca “Dilma Rouseff terrorista”. O termo é inclusive sugerido pelo site quando internautas digitam o nome da ministra da Casa Civil.

“Não acredito que José Serra vá bater diretamente na tecla da militância política radical de Dilma durante a ditadura, mas não dá para dizer o mesmo de alas mais bicudas do tucanismo, com todo o arsenal de correntes de e-mails e tal. Como a candidata Dilma vai lidar com o tema?”, comenta o jornalista.

O podcast está na programação da Rádio do Baguete e disponível para download e reprodução nos players acima e abaixo dessa matéria.