O BNDES vai investir R$ 1,5 bilhão de reais em dez fundos, sendo oito do tipo private equity e dois de venture capital, para fortalecer sua participação no mercado de fundos de investimento.

No setor de capital de risco, o setor privilegiado será a TI, garante o chefe do departamento de Investimento em Fundos do banco, Eduardo de Sá Klingelhoefer.

Os dez fundos serão selecionados dentro de dois anos, a contar da última quinta-feira, 10, quando foi feito o anúncio. Segundo Klingelhoefer, investir em TI será importante para o banco pois o setor apresenta “uma curva de crescimento forte”, informa o ComputerWorld.

Já na carteira de private equity, os beneficiados serão os segmentos de energia e logística.