Tamanho da fonte: -A+A

Nesta quinta-feira, dia 17, a primeira turma de professores da área de engenharia da Unisinos embarca para a Coreia do Sul, onde realizará estudos de pós-doutorado nesta área da tecnologia.
 
O objetivo é a disseminação do conhecimento para a implantação do Instituto Tecnológico de Semicondutores da Unisinos. 
 
No mês de abril embarca o professor Jorge Barbosa, que se junta a Guilherme Vaccaro, Jacqueline Copetti e Carlos Moraes para os cinco meses de capacitação. 
 
Em junho, o professor Celso Peter se junta à turma para dois meses de curso no país asiático.
 
A criação do instituto, explica o reitor da Unisinos, Pe. Marcelo Fernandes de Aquino, está entre os projetos estratégicos da universidade impulsionado pela chegada da HT Micron, joint venture formada pela brasileira Altus e a sul-coreana Hana Micron, no Parque Tecnológico São Leopoldo Tecnosinos. 
 
Na viagem de estudos, que está sendo financiada pela universidade em parceria com o Banco Santander, os professores passarão quatro meses na Songang University e Hankuk University of Foreign Studies e, após este tempo, um mês dentro da empresa Hana Micron.