A Epson anuncia nesta terça-feira, 23, que vai implantar seu programa de coleta de cartuchos e fitas no Brasil.

As bases do programa são os Centros de Serviço Autorizados Epson - cerca de 130 lojas em 26 estados -, que ficarão responsáveis por receber o material utilizado.

Os resíduos serão submetidos ao sistema de co-processamento que consiste na destruição térmica em fornos de cimento.

O diferencial do procedimento, segundo a Epson, está no aproveitamento do resíduo como potencial energético ou substituto de matéria-prima na indústria cimenteira.