Tamanho da fonte: -A+A

O Brasil é essencial para GeneXus. Foi o que afirmou o presidente da Artech, Breogan Gonda, durante o XIX Encontro Internacional GeneXus, realizado no em Montevidéu, Uruguai.

Para comprovar sua tese, Gonda citou as metas da própria Artech, que pretende ampliar as vendas de novas licenças em torno de 50% em 2010, além de crescer de 5% a 10% na carteira de clientes já atendidos, com foco no país, onde planeja investimentos em divulgação para este ano.

Atualmente, a Artech trabalha na divulgação do GeneXus X Evolution 1, versão mais recente da ferramenta. Além disso, acaba de lançar o GX Server, voltado à automatização do trabalho em equipe de desenvolvedores GeneXus.

“A solução facilita a colaboração em todo tipo de cenário de desenvolvimento”, destaca Gonda.

No Brasil, já são clientes da ferramenta GeneXus empresas como Faber-Castell, Nestlé, Itaú, Porto Seguro e Toyota, entre outras. Em todo o mundo, são cerca de 65 mil usuários distribuídos em 35 países.

Já a Artech atende a 5,5 mil clientes divididos em softwarehouse e corporações. Para isso, conta com 200 engenheiros que trabalham no desenvolvimento e evolução da solução.

Sediada em Montevidéu, a companhia conta com escritórios nos Estados Unidos, México e Brasil, além de manter presença em mais de 35 países por meio de distribuidores.