iPad já ultrapassou o antigo recorde de vendas, do DVD

Com vendas estimadas em 4,5 milhões de unidades em um trimestre, o iPad já faz mais sucesso que o DVD.

O tablet da Apple bate com larga vantagem as 350 mil unidades unidades de DVDs playeers vendidas no ano de estreia dos aparelhos. Até o gadget da Apple, os DVDs eram o produto da eletrônica de consumo mais vendido – à exceção de celulares.

A comparação é da consultoria de mercado Bernstein Research, diz o site norte-americano CNBC. Para o analista Colin McGranahan, o iPad tem um sucesso sem precedentes.

Se mantiver o ritmo, diz McGranahan, o iPad tem chances de ultrapassar os consoles de videogame e até telefones móveis, tornando-se a quarta maior categoria da eletrônica de consumo em vendas, com o volume estimado de US$ 9 bilhões nos Estados Unidos em 2011.

Atualmente, os eletroeletrônicos mais vendidos são TVs, smartphones e notebooks.

“Está sendo maior do que se esperava para um dispositivo totalmente voltado para o uso multimídia”, avalia o cofundador da consultoria de investimentos TradeMonster.com Pete Najarian.

Responsáveis por uma grande transformação nos lares norte-americanos, e ao redor do mundo, o DVD levou cinco anos para chegar nos números de venda do iPad. Para a Bernstein, o tablet da Apple teve uma vantagem nos seus predecessores: iPod Touch, iPhone e mesmo os Macs.