A taiwanesa Asustek Computer anunciou nesta segunda-feira, 07, que deu início a um processo contra a IBM pela suposta quebra de duas patentes. A empresa afirma que os registros de produtos lesados pela companhia norte-americana se referem à tecnologia de arquivamento na internet e de servidores.

O processo é parte de uma batalha legal iniciada em dezembro do ano passado, quando a IBM registrou uma queixa na Comissão Internacional de Comércio dos EUA contra a Asustek e sua subsidiária norte-americana, Asus Computer International, informa a Folha Online. Conforme informado pela Big Blue na época, a empresa teria encontrado restrições de importação de alguns produtos e componentes da fabricante taiwanesa.

A Asustek é fabricante de produtos como computadores pessoais, placas-mães e servidores.