A IBM desenvolveu um USB que disponibiliza uma plataforma de PC completa, em Windows  ou Linux, por streaming. 

 
Chamado Secure Enterprise Desktop (SED) e comercializado como uma extensão do serviço Smart Business Desktop Cloud, o dispositivo  transmite informações diretamente da nuvem da IBM para um computador pessoal.
 
Para tanto, a tecnologia inicia um sistema baseado no SED e estabelece um canal VPN criptografado para a nuvem, depois um hipervisor permite que os aplicativos e dados do usuário sejam transmitidos com segurança para o hardware hospedeiro.
 
Conforme publicação do IDG Now, a novidade é que as aplicações e dados irão residir na nuvem, e não no dispositivo, sendo que as informações serão armazenadas na RAM temporariamente ou escritas no HD local. Isso permite que a tecnologia ofereça uma versão online, que se atualiza sempre que o dispositivo estiver conectado.
 
Entre os serviços do USB estão opções de autenticação, incluindo leitor de cartão de memória e PIN nativo.
 
“Queríamos permitir que as pessoas usassem seus próprios equipamentos”, afirmou o engenheiro do projeto da IBM Research, Michael Baentsche.
 
Os requisitos mínimos para o Secure Enterprise Desktop são uma versão 64 bits do Linux ou do Windows com servidor Linux e Apache na nuvem As implementações também se integram com o IBM Tivoli e WebSphere e são executados de dentro do firewall da empresa ou como um serviço confiável usando o IBM Cloud.
 
De acordo com Baentsche, a versão para Mac OS ainda está em desenvolvimento.