A Souza Cruz vai subsidiar metade da compra de um PC Positivo com professador Intel Celeron 3300 e monitor LCD 15 polegadas para 2 mil plantadores de fumo na região Sul.

O produtor pagará a sua parcela à Souza Cruz no momento da comercialização da safra de tabaco. Serão beneficiados 107 municípios no Rio Grande do Sul, 120 em Santa Catarina e 88 no Paraná. A empresa não revela o valor das máquinas.

Os computadores são distribuídos com os softwares que permitem a iniciação na inclusão digital e posterior capacitação na gestão.

“No primeiro momento,damos uma ferramenta a esse produtor. Depois, esperamos capacitá-lo para usar softwares que ajudarão nas tomadas de decisões. E, numa terceira etapa, a ideia é que eles estejam aptos a navegar na internet em busca de novas informações", esclarece Claudimir Rodrigues, gerente de Sustentabilidade de Produção Agrícola da Souza Cruz.

É a segunda edição do projeto, que, no ano passado, já havia beneficiado outras duas mil famílias.

A iniciativa nasceu de uma pesquisa encomendada pela Souza Cruz ao instituto Vox Populi em 2008. A pesquisa descobriu que 19% dos 40 mil produtores rurais integrados à Souza Cruz já possuiam computador em casa, porém somente 2,4% com acesso à Internet.

Dentre os que não possuiam computadores, 80% tinham interesse em adquirir um aparelho.

"Com o computador conseguimos agilizar processos contábeis, como o controle de receitas e despesas. Se não fosse a Souza Cruz talvez nunca comprássemos um", explica Gilberto Telmanm, de São Bento do Sul, município do norte catarinense, a 250 km de Florianópolis.