A Intel anuncia seu mais novo drive em estado sólido (SSD, na sigla em inglês), o Intel SSD 710 Series.

A solução é voltada à substituição, em data centers, do Intel X25-E Extreme SSD, que era baseado na memória flash Nand Single-Level Cell (SLC), que a Intel define, em divulgação ao mercado, como “mais cara, mas altamente confiável”.

O novo Intel SSD 710 usa memória flash NAND MLC de 25nm e tecnologia HET (alta resistência), focando o mercado de data centers, serviços financeiros, embarcados, portais de Internet, mecanismos de busca e outros aplicativos para servidores e armazenamento pesado.

Conforme Rob Crooke, vice-presidente da Intel e gerente geral do Grupo de Soluções de Memória Não Volátil da empresa, a nova família de SSDs da empresa oferece mais de 30 vezes a resistência da linha anterior.

“Além disso, tem melhor desempenho e novas características, como a prevenção de dados em caso de falta de energia e disposições adicionais de memória NAND para maior confiabilidade”, afirma o VP.

O Intel SSD 710 oferece resistência imediata de gravação de até 1,1 PB e chega com capacidades de 100 GB, 200 GB e 300 GB.

Voltado para aplicativos que dependem muito da conectividade I/O, o SSD 710 atinge um desempenho de gravação randômico de 4K com até 2700 operações de entrada/saída por segundo (IOPS, na sigla em inglês) e desempenho de leitura randômica de 4K com até 38500 IOPS por todo o drive.

“Assim, é um substituto perfeito para um SSD SLC ou múltiplos discos rígidos de classe empresarial (HDD). Além disso, pode substituir diversos HDDs que consomem muita energia por um único SSD, reduzindo custos de data center com eletricidade”, afirma Crooke.

O SSD 710 custa US$ 649 na versão de 100GB, US$ 1289 na de 200GB e US$ 1929 na de 300GB, todos com base em pedidos de 1 mil unidades.

O equipamento tem garantia limitada de três anos.

Cisco já aposta

Conforme o VP da Intel, a companhia tem trabalhado com equipes da Cisco na análise de requisitos para os servidores nos data centers, o que auxiliou na montagem da nova linha de lançamentos.

“O servidor UCS B230 M2 da Cisco oferece a maior capacidade de memória, e é um dos servidores com dois soquetes de maior densidade e menor tamanho (metade da largura) equipados com o Intel Xeon E7-2800”, declara David Lawler, VP de Gestão de Produtos para a Cisco.

Segundo o executivo, a Cisco oferecerá o Intel SSD 710 Series para ampliar o desempenho e a capacidade de armazenamento do UCS B230 com dois drives locais oferecendo 100GB cada em setembro e até 300GB cada a partir de outubro.