A paulista Robtec acaba de lançar no mercado brasileiro a impressora 3D RapMan 3.1, fabricada pela inglesa Bits From Bytes (BFB).

 
O equipamento sairá por R$ 5,7 mil e tem foco em escritórios de Design e Arquitetura e salas de aula de Engenharia.
 
Alimentada com PLA (Ácido Polilático) e o ABS (Acrilonitrila Butadieno Estireno), a RapMan 3.1 imprime protótipos de 270mm x 205mm x 210mm na versão Single e 190mm x 205mm x 210mm na versão Double. A máquina pesa 17 kg e tem consumo de energia de 60 W. .
 
“Antes, impressoras como essa custavam, no mínimo, R$ 40 mil e eram adquiridas apenas por grandes empresas. Agora, oferecemos uma solução por menos de R$ 6 mil, um custo acessível a um número muito maior de pessoas”, comemora um dos sócios fundadores da Robtec, Sergio Oberlander.
 
Além da RapMan, a Robtec trouxe ao mercado um equipamento de custo um pouco superior. OBFB 3000 sai por R$ 12,4 mil e consegue imprimir tamanhos maiores até um pouco maiores 275mm x 275mm x 210mm. A máquina pesa 37 kg e tem consumo de energia de 90 W.