Placas mães vendidas como peças de reposição para servidores PowerEdge R310, R410, R510 e T410 da Dell estavam infectadas por um vírus W32.Spybot destinados a roubar dados dos usuários.

De acordo com a companhia, o problema afeta menos de 1% do total das placas e que os produtos serão substituídos o mais rápido possível. A empresa também disse que consumidores com software antivírus atualizado estão protegidos.

O W32.Sppybot foi descoberto em 2003 e permite que usuários remotos controlem o computador.